PEC: A vitória de Pirro do Governo

Por todo o lado, lê-se e ouve-se que o PEC foi aprovado, o que significa que estariam à partida aprovadas as medidas constantes desse documento.
Nada de mais errada. Ontem, foi aprovada apenas uma resolução sobre o PEC, nada mais. Quanto às medidas propriamente ditas, vão ter de ser aprovadas, uma por uma, no Parlamento.
E é por isso que o Governo está tão preocupado. Porque a vitória de ontem foi apenas uma vitória de Pirro. Nada significa. E é por isso que o Governo tenta vincular a votação de ontem ao futuro líder do PSD.
Seja com Pedro Passos Rangel, seja com Paulo Coelho, os únicos que hoje podem vencer (a inversão dos nomes é propositada), está garantidíssimo que as medidas previstas no PEC nunca verão a luz do dia.
Claro que não é coincidência (nestas coisas não há coincidências…) o facto de o «Sol» ter retomado, hoje, as escutas das conversas entre Sócrates e Armando Vara.

Comments

  1. Inácio Silvano says:

    Mais uma vez o Governo PS consegue enganar alguém, neste caso do PEC visa tapar o sol com a peneira, isto é mostrar aos mercados internacionais que somos capazes de implantar medidas capazes de diminuir um défice muito próximo dos dois dígitos…óbviamente que estas medidas terão que ser aprovadas no parlamento ao longo dos próximos 3 anos, isto num cenário politico muito diferente do actual.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.