O cemitério do Freeport recomeça amanhã…

Com  índicios de corrupção, amanhã o Ministério Público tem que tomar uma decisão. Acusa ou arquiva!

Ao que sabemos (os faxes, o vídeo, as conversas sobre envelopes…) acrescentam-se os depósitos bancários em notas, muitos milhares de euros em várias contas de vários titulares, todos ligados ao processo. Em dinheiro, em notas, todos deram uma boa explicação, negócios, partilhas, mas a conclusão a que se chegou é que todos depositaram mais dinheiro nas respectivas contas que o que declararam às finanças.

Crime fiscal? Amanhã com a acusação, se a houver, vamos saber as bases da pronúncia, se a decisão for o arquivamento, vamos ter tudo eacarrapachado nos jornais. Bem sabemos que a prova em tribunal não se compadece com “intuições”, mas as notícias, vão ter títulos a “preceito”, deixar dúvidas no ar, e desenvolver o processo por muitos dias a tal ponto que quando se chegar ao fim, cada um de nós vai ficar com uma “impressão”.

Agora uma coisa é certa, um cemitério tem muito menos vida que um freeshop, apoquenta muito menos as avezinhas , e não atormenta os sapais e, no entanto, foi chumbado.

Até os mortos se viraram com aquela aprovação!

Comments

  1. júlia says:

    Caro Luis Moreira:
    Já que vão recomeçar o cemitério, não se esqueçam do crematório, peça premente, para a destruição total de todo o passado que envergonharia qualquer cidadão honesto.
    Nota: FREEPORT…FREE…PORT… (free)sem submissão a regras, livre de direitos…(port)
    abertura para passagem,abertura por onde sai a boca do canhão…( há mais significados; a escolha é minha).
    Sinto-me magoada, ao constatar que a corrupção compensa.
    Há mais de cinco anos, meu familiar próximo
    sofre desta justiça.Não consigo admitir que quem faz justiça sejam seres humanos…com consciência!…
    Neste momento tenho de ser convencida!…
    Vou terminar com uma afirmação do camarada
    Almeida Santos e, que já citei noutro contexto:
    “Sócrates é como Deus nosso Senhor, está em toda a parte.”
    De certeza que esteve no FREEPORT, para acontecer este MILAGRE!…
    Até amanhã! Até sempre!
    Júlia Príncipe

  2. Luís Moreira says:

    Calma, Júlia, ao contrário de Sócrates, Deus não dorme.

  3. júlia says:

    Caro Amigo:
    Completamente de acordo, com a sua afirmação.
    O castiço do A.S. usou o nome de Deus em vão…
    Eu peço a Deus que nos “deite uma mãozinha,” salve os inocentes e castigue os malfeitores…
    Limitei-me a “parodiar” os disparates de um cego
    que não quer ver…
    Até amanhã! Até sempre!
    Júlia Príncipe

  4. maria monteiro says:

    Eu gosto mais do “Deus escreve direito por linhas tortas”. Deus não castiga. Temos que ser nós, enquanto povo que caminha, que deve virar a mesa, que deve castigar os malfeitores.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.