Solidariedade com o camarada José Lello

Que coisa irritante. O camarada José Lello, eu, e mais uns dois terços dos portugueses achamos que Cavaco Silva é foleiro em geral, e foleiro enquanto PR em particular. Os presidentes da República não são nenhuns reizinhos, à prova de bocas, incluindo as foleiras. Fossemos agora recordar os epítetos que recebeu, a seu tempo, Mário Soares, nomeadamente do actual cabeça de lista do PS por Leiria, e nunca mais parávamos.

Em solidariedade reponho aqui um souvenir do baladeiro José Lello, um Mendes Bota precoce, desde  muito jovem um artista promissor:

Já o tinha publicado. E ameaço voltar a fazê-lo se não param de dizer mal do camarada José Lello, que penso ter sido uma inspiração para Raul Solnado.

Comments

  1. jorge fliscorno says:

    Belo trio, de violoncelo, flauta e cana rachada 🙂

  2. Carlos Mendes says:

    Repare amigo que ele não disse secamente que o Presidente era foleiro. Ele chamou-lhe isso por não ter sido convidado. Sendo uma desconsideração tola, sobretudo se dita em público, como foi, é diferente.


  3. Para Lello o respeito por outros, até figuras de estado, apenas é algo para fazer em público.

    É a ponta do icebergue de alguém que acha que ética é apenas algo que se deve ter se for em público. Dá que pensar que mais Lello não acha mal fazer, desde que não se saiba…