Allende, Neruda e Frei: mortes programadas


Salvador Allende

O meu prolongado exílio do país em que nasci, filho de espanhóis e a minha vagabundagem por vários países e continentes, por motivos científicos, têm-me ensinado a ser cauteloso. Uma notícia de jornal, comentários televisivos, nada prova, excepto esse ser o primeiro de proporcionar uma informação que estala como uma bomba. Notícia que nos alarma e procuramos as fontes. Por enquanto, fontes que provem factos, não há. Há notícias que parecem verdades certas, as que nos temos habituado e acreditamos nelas como no Pai Nosso.

Eduardo Frei

Bem sabemos que os dois antigos presidentes do Chile, morreram de forma aleivosa. Ou primeiro, após a sublevação das Forças Armadas do Chile, que apoiavam ao grupo social pelo que Allende lutava: os desvalidos do mundo, os que apenas tinham a sua força de trabalho para subsistir. Chile é um país classista, de muitos pobres, poucos muito ricos, e uma basta classe média acomodada da melhor maneira possível. O Presidente Allende lutou por todos eles, mas a classe social pudente, não aceitou que, como figo en outros textos, lhes retirassem os seus bens. A ideia de Allende e a coligação de partidos de esquerda que o apoiava, era que os bens de produção pertenciam a quem os trabalhava e os convertia em mercadorias. Grande erro da Sua Excelência: ter não é saber. Saber permite a produção de riqueza para o país, os seus habitantes e os cofres do Estado. Allende era um burguês marxista que entendia que a riqueza devia de ser de todos e, expropriando e confiscando, distribuiu o capital entre todos. Os capitalistas não aceitaram esse tipo de governo, acudiram às Forças Armadas, para derrubar o Presidente, exilar, encarcerar ou matar. Era um perigo para a burguesia acomodadas as Forças de Guerra Navais a 10 de Setembro de 1973, em coligação com as Forças de terra, bombardeou o Paço do Presidente, quem lutou mas não se rendeu, acabo morto. História conhecida. A grande dívida tem sido se foi moto pelos sublevados ou ele próprio matara-se. Hoje em dia a dúvida é tão trepidante, que o corpo foi exumado e está a ser estudado por médicos legistas. Tamanho ataque nunca tinha acontecido antes e, anos virados, a curiosidade foi tão grande, essa procura da verdade para fazer justiça tem obcecado aos governantes e os restos da Sua Excelência estão em estudo. O resultado pode demorar, especialmente por causa de uma ferida a bala ni crânio direito. Seria uma morte assistida? Estamos na espera dos resultados porque a imagem de Allende mudaria se for suicídio ou morte assistida, ou simplesmente, assassinato. Seja como for,  a gloria e a honra de Allende não mudam: morreu pela Pátria e pelos seus ideais de sermos todos iguais, evitando uma guerra civil onde muitos podiam morrer, ideia que o assustava.

Esta curiosidade nasce após ter sido provado que o seis antecessor, quem lhe entregara o mando, falecera dois dias a seguir uma operação simples de uma hérnia, por motivos desconhecidos nesses dias. Após a derrubada de Allende pelas forças reacionárias incitadas pelo governo dos Estados Unidos e pela CIA, no golpe de estado de Augusto Pinochet, passou para se opor a este último, por ser seu governo ditatorial.

Pablo Neruda

Faleceu em 1982 devido a complicações ocorridas em uma cirurgia simples. Em 2005 foi aberta uma investigação sobre sua morte, pois um ex-agente da DINA (Dirección de Inteligencia Nacional, a polícia secreta chilena criada por Pinochet) informou que uma toxina desenvolvida em laboratório fora utilizada para envenenar Frei. Com o filho Presidente da República, o corpo do pai foi mandado exumar, analisar e a prova foi encontrada. Desde esses dias, começaram uma série de suspeitas, por causa de mortes de antigos dignitários, ate chegar a vez da suspeita sobre a morte de Allende, sem testemunha e só. Frei tinha a família que soube defender a sua honra. Allende, a sua, que começou a suspeitar e as indagações começaram. Esperamos os resultados.

Mas, esta semana, por causa de confissões do secretário de Pablo Neruda, suspeitas de mortes premeditadas começaram a aparecer outra vez. Manuel Araya colaborava em Isla Negra, com Matilde Urrutia, a mulher de Pablo Neruda para preparar a viagem ao exílio ao México no dia seguinte. Foi visitar ao patrão a Clínica Santa Maria. Neruda ter-lhe-ia dito que no dia prévio, enquanto dormia a sua sesta, entrara um médico ou alguém vestido de bata branca, injectou um líquido no estômago e foi-se embora. O nosso poeta tinha cancro na próstata, mas mantinha as forças e não parava de escrever. Pediu a Araya que telefona-se a Isla Negra, contara esta história a sua mulher, chegou Matilde a correr, foi examinado, nada parecia anormal, mas dois dias depois a 23 de Setembro de 1973. As suspeitas começam outra vez, o corpo do nosso poeta será exumado e saberemos a verdade, mais uma vez, se morreu de cancro o foi assassinado. O surpreendente era que tinha forças, que foram baixando e nunca se encontrou ao médico que o injectara. A morte foi precipitada. Por causa dos dias que se viviam, pensou-se que a morte era por doença e tristeza pela morte do seu amigo.

Esta história nunca mais para e a análise de Pablo Neruda, dir-nos-á verdade.

Um Picunche traidor e os seus espias sabiam muito bem a quem eliminar, como foi provado no julgamento a que foi submetido, foi acusado de crimes provados e faleceu réu de delitos reais durante o julgamento…

Raúl Iturra

Comments

  1. Não costumo falar muito da história do Chile, porque desconheço em grande parte, leio ou vejo alguns documentários. Mas não falta aí uma morte? Como se chamava o general que antecedeu Pinochet na chefia das Forças Armadas, durante o governo de Allende? Com ele vivo, teria a história sido diferente?

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: