O regresso de Diogo Leite Campos

Depois da publicação deste vídeo no Aventar o vice-presidente do PSD desapareceu das televisões (favor que generosamente fiz ao PSD, e não é para cobrar: sou um mãos largas).

Agora, depois do anúncio de um aumento de treta no IRS dos mais ricos leio nos blogues da direita herdeira dos garotos de Chicago que ganhar 5000 euros não é ser rico, blasfema-se e arma-se um 31 por causa do dito cujo.

Este aumentozito é mera manobra de marketing: taxar os ricos só seria eficaz taxando o património, coisa que não se faz com a desculpa de ser muito difícil (mas não impossível: até o Medina Carreira inventou um truque para o fazer, embora agora se mostre arrependido) e em ambos os casos com a ameaça da fuga de capitais (o que não é verdade: quase todos os nossos ricos sacam e sempre sacaram do estado, e não encontram outro estado à mão de semear onde governantes e empresas se misturem com a facilidade lusitana).

Volta Leite Campos, estás perdoado.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.