Cromo do Dia: A dança das cadeiras

Gestores hospitalares (boys) nomeados pelo PS estão a ser substituídos por boys do PSD e CDS.

O memorando de entendimento assinado com a troika refere expressamente que os presidentes e membros das administrações hospitalares “deverão ser, por lei, pessoas de reconhecido mérito na saúde, gestão e administração hospitalar” – uma medida a aplicar já no quarto trimestre deste ano. A assessoria do Ministério da Saúde defende, porém, que a obrigatoriedade de concursos para novos dirigentes apenas se aplica “nos casos dos institutos públicos e das direcções-gerais”, ou seja, na administração directa do Estado. E alega que os hospitais EPE (entidades públicas empresariais) “não têm o mesmo estatuto” e a escolha fica nas mãos dos accionistas – que são os ministérios da Saúde e das Finanças.

Não prometeram ir mais além do que as medidas da troika? Estão a ir. Muda a música mas o baile é o mesmo.

jobs for the boys

Comments

  1. Francisco Gomes says:

    O Passos e o Portas ainda não tinham tido tempo de fazer esta dança das cadeiras, porque, até agora, têm andado eles dançando de cadeira em cadeira, mas de um avião para outro nas suas viagens altamente produtivas “:::A BEM DELES MESMO…” por isso não houve tempo ainda e estão perdoado por isso, tanto mais que estes criterios de seleção por “competencia partidaria” exigem muito pensar (não sendo propriamente uma vitude neles) para que não se gerem guerras internas …Por isso são governantes ponderados, cautelosos e muuuuuiiiiiitttttttooooo responsavis nos seus atos…..

  2. Nightwish says:

    Ainda há gente convencida que o programa é diferente do anterior: proteger o 1%.
    Quando o ordenado médio chegar aos 500€, tiverem desemprego de 20% e trabalharem ao sábado se calhar acordam, mas já será inútil.
    Assim são os portugueses.


  3. não acredito ou percebi mal. mas hoje foi dito que de entre os portugueses, os 20% – mais pobres ganham 1/7 dos 20% mais ricos – piores do que nós só os pases da américa latina – foi dito ontem – 3ª feira 6 de novembro – e Jardim deante das câmaras TV ameaçou que se o primeiro faltar à palavra irá barafustar para bruxelas e disse outras coisas interessantes

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.