Paródia sobre a deportação de portugueses no Canadá

Um vídeo já com uns anos. Lê-se na página do vídeo:

Com o governo canadiano a deportar milhares de portugueses, o pessoal da  Canadian Broadcasting Company, CBC, decidiu emitir esta simpática paródia, retirada do programa  Rick Mercer Report.

Isto das deportações é caso sério. Até futuros ministros são mandados embora.

Doze ou dose?!

Shall we begin?

Há algum tempo que ganhei o hábito de fazer a uma viagem pelos blogs portugueses . Sózinho e aqui longe , sem bússula ou guia , vou à descoberta e noites tenho que quando chega a hora de terminar vejo com satisfação que a “pesca” foi boa , que li algo que valeu realmente a pena .
Inevitavelmente comecei a sentir a vontade de eu próprio “botar” palavra : Não sobre a politica em Portugal sobre a qual só tenho dúvidas e perplexidades , mas sobre o que se passa nesta minha pátria adoptiva , para onde ventos fortes e mar alteroso me fizeram arribar.
Eu, que fui nado e criado à beira-Tejo, penso que conservo apesar de tudo um certo olhar português sobre as coisas, e sinto muitas vezes um zelo missionário querendo que quem aí vive leia um livro que acho indispensável, veja um espectáculo ou programa que me parece imperdível ou simplesmente conheça melhor o que aqui realmente se passa . Continuo profundamente interessado pela politica daqui, talvez demasiadamente para o meu próprio sossego , pois na maior parte do tempo ela só me traz irritação e frustrações, fazendo com que a minha outra metade diga estar eu por vezes impossivel de aturar .
Também pensei maduramente em que língua escrever, mas rápidamente concluí que seria uma insuportável pesporrência não o fazer em Português. Porém desde já aviso os meus improváveis leitores que nesta língua tendo a ser prolixo e que o estilo me sai assim empiriquitado; bastantes vezes no passado escrevi páginas para no final tristemente concluir que não tinha dito nada do que queria. Será certamente uma prosa de emigrante: Uma mistura de palavras em português e inglês, no meu caso não por imodéstia, mas porque muita coisa já não sei como traduzir. Por exemplo gostaria que soubessem que eu sou “a bookish type of person”, mas como dizer em português? Que sou uma pessoa livresca, livreira ? [Read more…]

A EDP é vermelha!

“Levantar uma pedra para deixá-la cair depois sobre os seus próprios pés” é um ditado popular chinês que descreve os comportamentos de certos tontos. Os reaccionários de todos os países são tontos desse tipo. Mao Tsetung

A EDP já está, o BCP é já a seguir. O camarada Gaspar diz que “Portugal é um destino atractivo para os investidores estrangeiros”.

Porque será que no momento em que abrem as pernas ao imperialismo os reaccionários de todo o mundo e de todos os tempos ficam sempre assim,  alegres e felizes, até a pedra lhes acertar nos pés?

Barragem do Tua: O relatório do ICOMOS / UNESCO que o Governo tentou esconder

No seguimento da luta que tem vindo a desenvolver a favor do Vale e da Linha do Tua, o Aventar teve acesso ao Relatório do ICOMOS / UNESCO sobre a Barragem do Tua e os seus efeitos na classificação do Douro como Património Mundial.

É um relatório arrasador, no qual a autora afirma peremptoriamente que «a área de intervenção da Barragem afecta totalmente a Região do Douro Património Mundial»; ou que «a construção da Barragem significaria um impacto muito grande na Região do Alto Douro Património Mundial que implicaria a perda do VEU (Valor Excepcional Universal) e sérias ameaças à sua autenticidade e integridade»; ou ainda que «Medidas compensatórias, mesmo que tenham de ser revistas à luz do Plano de Gestão, não são o ponto mais importante, mas sim se a Barragem de Foz Tua deve ser construída de todo».
É com grande prazer, mas com enorme pesar, que publicamos hoje o Relatório da Missão Consultiva do ICOMOS / UNESCO para o Alto Douro Vinhateiro e impactos da construção da Barragem de Foz Tua. A tradução portuguesa é o nosso contributo para a defesa do Tua e do Douro.

Download do Relatório original (em inglês):
REPORT Advisory Mission Alto Douro ICOMOS_20110805

TRADUÇÃO PORTUGUESA a cargo de Ricardo Santos Pinto, Helder Guerreiro e Carlos Fonseca [Read more…]

Ciência e poesia

adão cruz

Encontrava-me num café de Paris na Place de Contrescarpe onde Edith Piaf un petit oiseau iniciara a sua carreira como cantora de rua.

Eu sonhava…

Nessa altura não era proibido sonhar.

Pelo contrário era obrigatório sonhar.

À medida que a luz da manhã crescia insubstancial e fria eu descia a Rue Mouffetard. [Read more…]

Hoje dá na net: Era uma vez no Oeste

Era uma vez no Oeste é o filme da harmónica (se não é o melhor papel de Charles Bronson, então qual é então?), um western do outro planeta, o planeta italiano de Sergio Leone e Ennio Morricone. Encontrá-lo completo no Youtube pareceu-me sorte a mais. Pois. Filme completo mas dobrado em português. Podia ser pior? podia, se não tivesse som não se ouvia a harmónica.