Rui Ramos e Steven Weinberg

Não me pronunciarei sobre a polémica Manuel Loff/Rui Ramos. Ainda não li a História de Portugal de Rui Ramos, Bernardo de Vasconcelos e Sousa e Nuno Gonçalo Monteiro.

Apenas assinalo, com satisfação, que o grande Steven Weinberg começa a fazer escola em Portugal. Pode ser que a doutrina pegue.

Finalmente, Fernando Rosas, quando me criticar, tente criticar-me por causa daquilo que eu escrevi e penso, não por causa daquilo que lhe dava jeito que eu escrevesse ou pensasse

Rui Ramos, no Público de hoje, p. 47.

I never claimed that religion causes all the evil in the world, but I have learned that when you say anything controversial, you are likely to be blamed not so much for what you have said as for what people think that someone who has said what you said would also say. Still, it’s better than finding that you have made no one angry

Steven Weinberg, Facing Up – Science and Its Cultural Adversaries, Harvard University Press, 2001, p. 231.

Actualização (18/4/2013): Steven Weinberg lê excertos do livro (Austin. Texas, 23/1/2002).

Comments

  1. Amadeu says:

    Excelente citação de Steven Weinberg. Na mouche.

  2. Há uma outra citação de Weinberg que aprecio bastante:
    “An expert is a person who avoids the small errors while sweeping on to the grand fallacy.”

  3. Maquiavel says:

    Embora no caso do RR, ele escreveu mesmo aquilo de que o acusam. Mas agora faz-se de vítima, coitadinho.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.