O estranho caso da rainha de inglaterra

Num toque de finados, Pinto Monteiro foi à RTP lançar mais umas larachas. O homem que há-de ficar conhecido por ter andado de tesoura na mão a recortar partes das transcrições de escutas onde José Sócrates era citado vem dizer que a polícia efectua escutas ilegais. Depois acrescentou que tem essa convicção. Há ou não há? Tem provas ou não tem? Fez alguma coisa quanto a isso ou não?

Esta inenarrável personagem aproveitou ainda para descartar água do capote quanto às incoerências que marcaram o seu mandato. Não deixa saudades este “último beirão honesto“.

Comments

  1. edgar says:

    A situação em que nos encontramos não é apenas culpa dos fariseus mas é também dos pilatos.


  2. Alberta Marques Fernandes-RTPInformação-02:30H-põe em discussão a “despedida de Pinto Monteiro” + Free Port – com Marinho Pinto + Juis Rangel + Moita Fores – Já falam os 3 como falam os politólologos ao mesmo tempo ou em programa de futebol

  3. Eu mesma says:

    E mais, como não lhe convém que a Cândida Almeida seja sua sucessora (desconheço os motivos, embora não duvide que ela não tem mesmo competência nenhuma!) foi destilar pirraça. http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=2793802

    • Amadeu says:

      Não faço a mínima ideia porque se haveria de embirrar com a tão querida e fofinha como a Cândida Almeida que afirma que “os nossos políticos não são corruptos”. Sinceramente. Não vêem que é mesmo de pessoas assim que o país precisa ?

  4. nightwishpt says:

    Então você não vê que o sr socrates nunca lhe foi apresentado? Como é que podia falar com ele?
    Há cada embirração…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.