Só posso achar bem

RTP1 reduz Telejornal para 45 minutos. O formato que tem sido emitido pelas televisões já há muito que deixou de ser noticiário para ser telenovela noticiosa.

Comments

  1. nightwishpt says:

    Tem lógica, é dos poucos meios de comunicação que ainda diz algo contra a loucura colectiva das duas troikas.

  2. Também acho – peço que se interessem pelo prograda d 01:00H às 01:30H na sic-27 setembro sobre Bill Gates que dá os seus biliões para vacinar crianças negras mas em contraparrtida destrói solos e culturas de áfrica (e algodão daindia) com as sementes da Monsanto que há anos o Canadá levou a tribunal e ganhou o processo – a UE anda que não anda para fazer directiva contra transgénicos mas já que temos milho e tomate e o mais que nem sei mas como e ?’ – toda a gente deverá ver este criminoso Bill Gates que até sabe o que anda a fazer – por favor vejam – se não tiverem esta notícia da boca dele nada se poderá fazer já que nem a UE se atreve

  3. Fernando says:

    Desde que não reduzam o tempo destinado ao futebol, estou de acordo. E’ que se eu não tiver futebol na TV durante a refeição, nem a comida consigo tragar.

  4. Maquiavel says:

    Portanto, em vez de se lutar para que passe a ser um verdadeiro telejornal, em vez da “telenovela noticiosa”, apoia-se que se acabe (reduzir é apenas o 1.o passo).
    Säo estas lógicas liberalóides que eu näo entendo (e me parece que nem quero entender).

    • Maquiavel says:

      Melhor assim:

      Portanto, em vez de se exigir para que passe a fazer aquilo para que lhe pagamos, i.e., a ser um verdadeiro telejornal, em vez da “telenovela noticiosa”, apoia-se que se acabe (reduzir é apenas o 1.o passo).

      • jorge fliscorno says:

        Ó Maquiavel, tenha calma 🙂 Já estou a ver que isto toca-se na RTP e é o ai jesus 🙂
        O que é que este post tem a ver com ” lógicas liberalóides” é que não entendo.

        Veja-se o exemplo do noticiário das 22h na RTP2. Dura à volta de 40 minutos e inclui uma entrevista. Não noto que lhe falte alguma coisa por ter menos de uma hora. Claro, não é feito com base na lógica do infotainment…

        • Maquiavel says:

          Näo se faça despercebido.
          O título do artigo näo é “devia-se era fazer dele uma coisa decente”, e depois explicar no artigo porquê, dando esse exemplo do noticiário da RTP2, referindo até “e ainda demora menos tempo”.
          Mas näo, manda-se a boca, e depois queixa-se de que sou indefectível da RTP. Sou é indefectível do serviço público, e por isso o que eu queria era que todos os noticiários fossem assim como esse da RTP2.

          • jorge fliscorno says:

            Vá, não se chateie. Tem todo o direito, se quiser, de defender a RTP. Este post é no formato “curtas” pelo que dificilmente, passará do registo “bocas”. Tenho um desfio para si. Quer escrever algo sobre o assunto? Temos todo o prazer em publicar como blogger convidado. Opiniões diversas, concordemos com elas ou não, são sempre bem vindas.

          • Maquiavel says:

            Mmm… algo como “Näo é defender a RTP, é defender o serviço público, que é para isso que lhes pagam”?
            Vou começar a escrever o artigo, depois vos enviarei à aprovaçäo.

        • jorge fliscorno says:

          Como achar melhor. Quanto a aprovação, isso não existe. São publicados como enviados Há só as ressalvas no não incitamento ao ódio, anti-democracia e demais coisas desumanas.

  5. omolavamaisbranco says:

    Tardaram !!!!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.