Trapézio nos cornos do teu velhote

Não sou o Toni! E acho que não é só uma questão de bigode.

Mas confesso que há um outro momento em que a costela tripeira aparece com toda a sua energia.

Fui à procura de um dicionário de palavrões para ver, do menu existente o que melhor se aplicaria ao Borges, mas nenhum me satisfez.

Depois de uma reflexão profunda consegui recordar os tempos em que ia ver os jogos do campeonato de amadores do Porto. E aí, na minha memória associei o Borges aos árbitros e encontrei.

Borges: “Já fiz trapézio nos cornos do teu velhote

 

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.