De “clube do ano” a campeão

ImagemO Lisbon Casuals Hockey Club, de Cascais, soube honrar a distinção concedida em 2012 pela Federação Portuguesa de Hóquei, que o galardoou como clube do ano (“O prémio “Clube do Ano” é atribuído ao Lisbon Casuals Hockey Club, segundo os critérios definidos pela Federação Europeia de Hóquei (EHF), o qual será indicado pela FPH ao Club Award EHF. Entre os vários critérios definidos, o clube foi um dos que registou maior crescimento no número de atletas, e o único a participar em provas nos seis escalões existentes na modalidade”) e, no fim-de-semana passado, conquistou o seu primeiro título de Campeão nacional de sub-18.

Aconteceu no Porto, no Pavilhão do Viso, e os lisboetas apenas deixaram fugir o título de melhor marcador (João Basílio, do CAMIR, de Mirandela). O Lisbon Casuals HC venceu os quatro jogos da fase final concentrada, e só outra equipa, para nós a grande revelação, os transmontanos do CAMIR, deu mostras de poder incomodar os novos campeões nacionais. O jogo entre estes candidatos foi dramático.

Os internacionais Miguel Ralha (que subtileza, que classe) e André Rosa (o omnipresente guardião azul) venceram os prémios individuais de MVP do torneio e melhor guarda-redes, respectivamente. Recorde-se que André Rosa tinha sido eleito “voluntário do ano” pela FPH, numa prova de que no clube se ensinam as qualidades do verdadeiro desportista, desde logo a disponibilidade.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.