Uma adivinha

No jardim da Praça da República, no Porto, uma das estátuas tem, no seu pedestal, uma placa velhinha que diz assim: “Comemoração do 6º Aniversário da Implantação da República Ano 1916”.

Que figura está representada sobre esse pedestal? “Ora! A República, claro”, dizem vocês?

Errado. A resposta certa é: Baco, deus do vinho. Dá que pensar, não dá?

O meu palpite é que os serviços municipais andaram a trocar pedestais e as placas são aquelas coisas que ninguém lê.

Entretanto, alguém munido de spray mas desvalido dos clássicos, deixou a sua cagadela no granito e transformou Baco em senhora danada para a brincadeira, “a deusa da destruição”, com coração a fazer de acento.

Apetece mandá-los todos ao mesmo sítio, é o que vos digo.

Comments


  1. É que dá mesmo que pensar!…

  2. Tiago Vasconcelos says:

    A Carla está muito literalista.
    A república este associada ao anti-clericalismo, logo expor um deus pagão é um acto perfeitamente republicano.

  3. Miguel says:

    penso sempre em como ele continua a rodear-se dos dele quando lá passo 🙂


  4. Excelente post

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.