Fundamentalismo judaico

Aviya Morris é a nova coqueluche do extremismo de inspiração judaico. Haja concorrência para fanatismo islâmico.

Comments

  1. joão lopes says:

    se o fundamentalismo se visse pelo que se veste,esta miuda parece saida de uma festa…trance.ou talvez eu esteja a ser fundamentalista em relação a estes “hippies” de trazer por casa…de qualquer forma este extremismo tambem esta ligado a outra “doença” do mundo ocidental:o egocentrismo patologico.ou o onanismo sexual.já pensaram nisso?


    • nunca tinha pensado mas parece-me fazer todo o sentido!

      • joão lopes says:

        o conceito de trabalho actual(que não deixa energia para qualquer actividade ludica,daí as depressões) é profundamente individualista e profundamente competitivo(inclusive,quando se diz mal do colega enquanto se dá graxa ao diretor) não dando azo a qualquer tipo de relação entre individuos.exemplo:quando se vai a uma consulta o medico olha mais tempo para o computador do que para a pessoa,ou quando se trabalha numa base do intermarche o objectivo é empilhar o maximo de paletes(com pontuações e tudo,como no futebol) individualmente,claro.e cair nas boas graças do…diretor.e claro,o lado ludico da vida(tão importante) é passado por muitos de nós…em frente ao computador.

    • Aventanias says:

      O onanismo é fodido.

      https://youtu.be/wPs5p3q05JE

  2. Aventanias says:

    O vídeo deveria ser este :

    https://youtu.be/N1KvgtEnABY

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.