A sexão, a secção e a seção

Also, there is much needed research on the intersection of pronunciation instruction and individual differences.

— Pablo Camus

Factos são factos e fatos são fatos: uns à medida e outros sem ser à medida.

Pinto da Costa

***

Uma das vantagens de sexão em relação a secção é a ausência de possibilidade da supressão do cê.

Secção de voto, algures na cidade de Lisboa. Foto: Cristina Carvalho (http://bit.ly/2JGgAo2)

De facto, a adopção de sexão impedirá coisas destas

ou destas

ou ainda destas

ou até mesmo destas:

No dia 25 de Maio, não houve qualquer ocorrência de seção em vez de secção. Todavia, o dia 25 de Maio foi ontem e ontem, como sabemos, foi sábado — e ao sábado, é sabido, não há Diário da República.

Efectivamente, os avisos foram atempadamente feitos e devidamente transmitidos.

Na ausência de reacção das autoridades, prefira-se sexão a secção, para evitar seção.

Até breve.

***




Comments

  1. Sofia says:

    Ui aposto que nessa secção de voto a abstenção não deva ter sido muita, com um chamariz desses!!!


  2. Foi “sábado”? Supunha ter sido Sábado, veja lá como são as distracções…

    Mas sexão tem outros problemas: a potência do cs, o vigor do ch e, até, a indolência do z.

    • Francisco Miguel Valada says:

      Sim, foi “sábado”:
      «Emprego de maiúscula nos nomes étnicos de qualquer natureza, nos nomes do calendário (com excepção das designações vernáculas dos dias da semana, tradicionalmente escritas com minúsculas) e nos nomes de festas públicas tradicionais».
      https://www.priberam.pt/docs/AcOrtog45_73.pdf


      • Está a ver? Distracção! Dos professores e minha, por nunca ter questionado o aprendido – professores tive que até “feira” queriam com maiúscula.

        Obrigada pela explicação.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.