Eurovisão

Em face dos resultados obtidos pelo concorrente português à Eurovisão não se vislumbra outra saída que não seja a imediata demissão, com efeitos retroactivos à vitória do excelente cantor Salvador Sobral, de sua excelência o Ministro dos Negócios Estrangeiros. Como diria Ary dos Santos, “Aristóteles, visita de casa da minha Avó, não acharia estranha esta forma de estar só”. O senhor ministro, lamentavelmente, falhou. Deve ter a dignidade de o reconhecer.

Lei Aúrea e a falácia da libertação dos escravizados

Um fato que muitos, principalmente os pretos e pretas do Brasil, não caem mais é o papinho da sinhá Izabel ter libertado, de fato, escravizado algum. Assinou a Lei Áurea em 1888, no lugar do pai  Dom Pedro II,  (escravocrata declarado que se recusou a assinar o documento, pois o  considerava  um absurdo), devido a pressão exercida pelos interesses econômicos dos países envolvidos na Revolução Industrial e as sangrentas revoltas de resistência negra por todo o país.   Isabel não era abolicionista e também atendeu a pressão da elite rural que viu no documento um ganho para evitar a reforma agrária.  Deram terras improdutivas a emigrantes italianos e etc enquanto os ex-escravizados nada. Como cantou o samba enredo da Escola de Samba da Mangueira este ano “Não veio do céu nem das mãos de Isabel a liberdade”.

O soteropolitano (meu conterrâneo) Luiz Gama sim. Este abolicionista tem um passado memorável.  Como advogado, conseguiu a alforria para mais de 500 irmãos e irmãs escravizados. Viveu entre 1830-1882. Filho de mãe negra livre e pai branco, nasceu livre e foi vendido pelo pai como pagamento de dívidas de jogo. Conseguiu reconquistar, judicialmente, a sua liberdade. Ficou conhecido como “O Patrono da Abolição da Escravidão no Brasil. A ele toda nossa reverência.

 

Via Xeidiarte

Tell No One

O documentário independente pelos irmãos Tomasz e Marek Sekielski. Sobre a ICAR na Polónia.

Este documentário já conta com mais de 12 milhões de visualizações nos últimos três dias (página IMDB). O documentário foi financiado on-line. É neste momento história de destaque na imprensa polaca. O documentário apresenta várias vítimas de padres pedófilos, o que parece ser hábito.

(Em polaco, legendado em inglês, espanhol e noutros idiomas.)

Ilusões ortográficas

Tu já imaginou a decepção, homem?

Coronel Jesuíno Mendonça

Para o segundo número da revista preparou um artigo, em português não menos clássico e com argumentos irrespondíveis, no qual, baseado em fatos e sobretudo nos versos do poeta Teodoro de Castro, esmagava definitivamente as negativas do conde.

Jorge Amado

***

Ontem, 13 de Maio de 2019, lembrei-me do dia 13 de Maio de 2009.

De facto, tendo lido isto,

lembrei-me disto:

O Diário da República não nos desilude.

Efectivamente,

Não adianta olhar pro chão, virar a cara pra não ver.

***