2 580 000 000 ou os excessos natalícios

Os portugueses gastaram 2,58 mil milhões de euros em compras e um valor médio de 44 euros, entre os dias 1 e 26 de Dezembro deste ano, indicam os dados da SIBS, a entidade gestora dos sistemas de pagamento, que junta os bancos a operar em Portugal. Feitas as contas, algo em que não somos grande coisa, “investiram” (palavra mais bonita que “gastaram”) o equivalente a 2,9% do produto interno bruto.

Perante estes números assola-me uma dúvida: os portugueses são completamente doidos pelo Natal? Perderam a cabeça de vez? Ou a história da crise é uma treta?

Comments

  1. Luís Moreira says:

    Chama-se a isto “puxar pela procura interna…”

  2. maria monteiro says:

    Não foi excesso natalício foi… espírito de solidariedade natalícia para, como disse o Luís, «puxar pela procura interna»

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.