António Serzedelo, um novo aventador

O Aventar, ou pelo menos a sua ala Esquerda, quer associar-se à promulgação do casamento gay pela Assembleia da República. Uma votação histórica, com Deputados a votarem contra o seu próprio Partido, outros a votarem a favor de outros Partidos e ainda outros, activistas da causa «gay», a votarem contra a adopção pelos «gays», ou seja, contra si próprios. Admirável!
É assim que temos o enorme prazer de anunciar o novo autor do Aventar: António Serzedelo, o presidente da Opus Gay e um dos principais rostos do movimento nos últimos anos em Portugal. Foi um dos principais obreiros da vitória de sexta-feira, mesmo que para tal não tenha precisado nunca de se vender nem de trocar os seus princípios por um generoso lugar de Deputado.
Porque o Aventar é um espaço de todas as tendências, aguardamos agora que a sua ala Direita dê os Parabéns ao novo aventador e que se faça à vida. Seria giro, depois de termos connosco o presidente da Opus Gay, contratar como aventador o presidente da Opus Dei, quem quer que ele seja. Que interessantes debates daria…
Bem-vindo a esta casa, António.

Comments

  1. maria monteiro says:

    eu sou assim a modos que uma “inquilina da casa” mas dessas que não paga renda…
    Bem-vindo, António
    maria

  2. Bem-vindo. Enquanto membro da ala direita do Aventar, gostava de saber o que raio nos liga, a nós de direita, à Opus Day????

  3. Luis Moreira says:

    Porquê, não chegamos para as encomendas?

  4. LOL … Realmente nunca se viu coisa mais trapalhona 🙂
    Ainda vai ficar em redacção de Lei que quem casa tem que adoptar 🙂
    Opus Day? O que é isso?

  5. maria monteiro says:

    andar no calor do metro em cuecas foi o chamado domingo “opus day” as sevícias foram para quem viu mas… não esteve autorizado a tocar 🙂
    também existe o Opus Dei mas deve andar mais noutros transportes

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.