«Onde dez mil páginas não bastariam, uma é demais»

http://files.photosnack.net/app/swf/EmbedCanvas.swf?hash_id=10ff82f9d02bcf44e01c699d2a187305&watermark=true

«A viagem não é longa, o viajante pode ir devagar. E, para seu maior descanso, deixa a estrada principal e segue por esta, modestíssima, que faz companhia ao rio Lis. É um modo de preparar-se em paz para enfrentar o Mosteiro de Santa Maria da Vitória. O viajante escreve estas palavras muito seguro de si, mas em seu íntimo sabe que não tem salvação possível. Onde dez mil páginas não bastariam, uma é demais. Tem muita pena de não estar viajando de avião, assim poderia dizer: ‘Mal pude olhar, ia muito alto’. Mas é pelo chãozinho natural que vai, e está quase a chegar, não há aqui fugir um homem ao seu dever. Mais fácil tarefa foi a de Nuno Álvares, que só teve de vencer os castelhanos.» (José Saramago, Viagem a Portugal)

To view this photo slideshow you need to have Flash Player 9 or newer installed and JavaScript enabled. PhotoSnack, the free slideshow creator allows you to create stunning photo slideshows in minutes!

Um comentário em “«Onde dez mil páginas não bastariam, uma é demais»”

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.