O pedido de ajuda é já a seguir

As dúvidas eram poucas. Agora estamos no limiar da certeza, dependente apenas da teimosia de certas pessoas. Vocês sabem de quem estou a falar.

Portugal vai mesmo ter de pedir ajuda financeira urgente. O líder parlamentar do PS admite isso mesmo em caso de emergência e este é um caso de emergência há muito tempo. O presidente do BES está alarmado e pede urgência nesse pedido. E ainda sou do tempo em que Ricardo Salgado dizia que não era precisa ajuda. Ah, espera aí, isso foi na semana passada. Tanto tempo…

Afinal, com ou sem ajuda de emergência da União Europeia e do FMI, seremos sempre nós a pagar a conta. E como é uma questão de tempo, quanto mais depressa melhor.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.