A menina da fotografia

A menina da fotografia cresceu e chama-se Maria da Conceição Tina saiu no Público esta semana. Patrícia Carvalho pegou no depoimento da hoje mulher e professora que nos anos 60 foi a menina retratada por Gerard Bloncourt numa fotografia ícone da emigração portuguesa em França e teve aquele toque de génio que faz a jornalista desaparecer do texto e dar-lhe a magia de um depoimento.

É uma pequena obra-prima: está ali a História, do que fomos e somos, a beleza de uma mulher que se abre revelando a memória, a teia que força hoje a sua filha desempregada a emigrar (as repetições na História são ambas tragédias), conta-nos como a mulher só este ano se soube a menina retratada e fotografa-lhe a vida que foi a de tantas meninas e meninos, nem todos com um final quase feliz.

Parabéns a Patrícia Carvalho, a Gerard Bloncourt  e a Maria da Conceição Tina, e deixo-vos aqui o pdf para que estas páginas circulem pela rede,  partilhem, partilhem sff, num tempo de cinzas há sempre um raio de sol onde a vida da gente também sai no jornal.

Baixar A menina da fotografia

Comments


  1. Portugueses que construiram a frança deitada pelo chão nas guerras mundiais, hoje de sarkozy, dos bidons-ville que chegaram a ser destruídos a eito pelos “maire”, porque os incomadava a miséria que representavam, e de que se envergonhavam, mas não rejeitavam o seu trabalho – as “Quintas da Fonte” de hoje, e de outrora

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.