Uma Santa Casa para o CDS


Como os leitores do Aventar sabem, do PPD/PSD e do PS tudo é de esperar. Dividem o Estado entre si e com os amigos. O CDS aprendeu rápido e já entrou no esquema, esta recebi por mail:

1. Em Dezembro de 2011, FERNANDO PAES AFONSO (CDS), Vice Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa nomeado em Setembro de 2011, contratou SUZANA FERREIRA para Directora-geral do Departamento de Jogos da Santa Casa, cargo que foi propositadamente criado porque nunca existiu.

 

2. Esta senhora trabalhava como Directora de Comunicação e Marca da Caixa Geral de Depósitos onde auferia um vencimento de cerca de 8.500 euros.

 

3. O contrato então oferecido na SCML incluía uma proposta de vencimento superior ao que recebia na CGD contra a genuína vontade de Pedro Santana Lopes.

 

4. Os valores em causa originaram estranheza e indignação no governo que contactou o próprio Provedor para indagar da veracidade dos rumores.

 

5. Confirmados os valores, foram dadas ordens para baixar o salário para montantes menos disparatados.

 

6.  Apesar da redução de salário “oficial”, Suzana Ferreira aceitou o cargo.

 

7.  Na verdade, não teve qualquer diminuição nos valores que aufere mensalmente, já que o diferencial entre os montantes inicialmente propostos e os que oficialmente recebe como salário são compensados através do pagamento de despesas diversas e da concessão de regalias e benefícios.

É tudo gente boa.
Se o Aventar me continuar a convidar, darei mais notícias. Aproveito para agradecer ao Aventar o convite, é um blogue que me dá muito prazer a ler.
António Santiago, Lisboa, pagador de impostos e descrente nesta democracia.

Comments

  1. palavrossavrvs says:

    Não se admite. Temos de ampliar o facto numa perspectiva profiláctica. Há portugueses como eu a rapar uma fome de rato [uma semana sem carne é foda; uma semana só com côdeas é de fugir. Ando a almoçar ovos com sumo de laranja e outras invenções económicas]. Onde é que pára o decoro?

  2. Jose Cruz says:

    Mas isso e como a “piramide do Frank Bird”… Por baixo dessa artista estao 29 “mamoes / mamonas” que, por sua vez, tapam “300 casos que ninguem liga”…
    Banalidade…

  3. LUCINO DE MOURA GONÇALVES PREZA says:

    Caro amigo Santiago:
    Parabéns pelo artigo que escreveu.
    Esperámos ansiosamente por mais notícias suas.
    Também gosto ler o Aventar porque com ele, sabe-se e aprende-se muito com os nossos colaboradores.
    Contudo, informo -o que se trata de uma Santa Casa da Misericórdia que foi instituída pela Rainha D. Leonor para ajudar os pobres tal como acontece com a Susana!…

  4. Tito Lívio Santos Mota says:

    só uma coisinha : 8.500 euros, para uma diretora da comunicação, mesmo em França é uma extravagância.

    Em Portugal não se sabem atribuir salários nem no topo, nem no meio, nem em baixo.

    é completamente disparatada a maneira como se classificam os funcionários em Portugal.
    Entre os míseros 500 euros, até aos tais ordenados de cinco cifras, passando pelas secretárias a 650 euros e os quadros médios a 1500, não tem comparação possível com o que se faz seja onde for.
    Não há coerência, lógica ou procura de mérito ou incentivo.
    é pura e simplesmente à balda.

    fico parvo para a minha vida !

  5. Justiceiro says:

    Mas… E Paes Afonso não é o tal das Financas do CDS? Aquele que afastou Abel Texeira?
    Não é o maior expert em jogos ? Tão bom tão bom, que se prepara para arruinar a Santa Casa e retirar o monopólio do Jogo? Prejudicando milhares de Portugueses que necessitam da área social da Santa Casa para sobreviverem… Será que Santana esse homem brutalmente humano, ainda não viu a peça que tem EM CASA A MINAR-LHE O CAMINHO???

  6. Justiceiro says:

    Mas… E Paes Afonso não é o tal das Financas do CDS.

  7. GROUXO says:

    Paes Afonso já é a 2ª vez que está na Administração da SCML e vice provedor c/o pelouro do D.J,no entanto tenho que esclarecer que desde a entrada desta Administração em Setembro de 2011 a delapidação do Patrimônio humano tem sido implacável com processos disciplinares c/ vista ao despedimento,processos esses que envolvem furtos cometidos por diretores da confiança de PSL e que foram apontados a trabalhadores (casos de fraldas no valor de € 80.200 Mil) este caso em concreto encontra-se em investigação no DIAP a mais de 2 anos e nada acontece e os trabalhadores não foram presos porque não roubaram nada,mas continuam despedidos,esta é a maneira de PSL lidar dentro da instituição causando e implantando um clima de terror através dos seus diretores e nomeadamente o seu ex vereador na F.Foz Lídio Neto Lopes conhecido pelos seus processos em tribunal de fraudes com a sua licenciatura e por ter sido condenado por agressão a uma criança tendo pago mesmo uma indemnização de €900 á vitima.
    Mais teria a deletar mas farei quando o DIAP me chamar neste processo do furto de €80.200 Mil em fraldas.

Trackbacks

  1. […] Posted on 23/03/2012 por Bloguer Convidado O Aventar recebeu-me simpaticamente aquando do meu primeiro texto. Regresso com a segunda de várias partes numa vergonha que deve ser combatida em nome de […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s