O sentido de Britishness


As aberturas dos Jogos Olímpicos foram sempre uma celebração de alguma coisa, nomeadamente do país que os organiza. Não há duvida que este ano foram uma celebração daquele sentido de Britishness. Do que é ser britânico. Estava, sinceramente, à espera de algo muito mais nacionalista com armadas espanholas e Henriques V. Mas afinal não. Os britânicos, espertos, celebraram o que têm de melhor. O humor, o fair play, a literatura, a fantasia, a diversidade. Sim, o Reino Unido que se mostra nestes Jogos não é o Reino Unido que o BNP (British National Party) gostaria que fosse. O que sópode ser uma coisa boa. É uma entidade que mais do que nunca celebra a junção entre o tradicional e o moderno. Entre o antigo e o novo. E mais nenhum país no mundo consegue fazê-lo com tanta mestria e com tanto sucesso, independentemente das tensões que surgem.

Ao contrário do que aconteceu em Pequim há 4 anos, estes carregam um sentido muito maior de união, de fraternidade. Há uma maior descontração. Isso sente-se no ar. Sentiu-se quando se decidiu que as pessoas não iam andar todas coordenadas como robots mas íamos ter um conjunto de Mary Poppins a derrotar um Voldemort de 4 metros. Pequim é a capital de uma China pouco democrática. Londres é a cidade do mundo que mais Jogos Olímpicos modernos recebeu. É uma das cidades mais importantes da História. É uma das cidades mais importantes para a Democracia moderna. E hoje assistimos a uma celebração daquilo que a Grã Bretanha tem de melhor. E isto é excelente. Nem que seja para mostrar aos Mitt Romneys do mundo o impacto que uma “pequena ilha”  teve  e tem no mundo hoje. E talvez para mostrar aos habitantes de Londres que apesar de ser uma chatice que ás duas da tarde já haja fila na estação de Oxford Circus, vale a pena.

E agora para completar o sentido do que é ser britânico só falta declarar guerra á França. Ou parar os Jogos todos os dias ás 5 da tarde para beber chá.

E agora de Benedict Cumberbatch, uma introdução aos Jogos Olímpicos de Londres:

The beating heart of the nation. Londinium to the Romans. Lundenwic to the Saxons. Lundenburg to Alfred the Great. But to all generations since: London. Our London of today. London has known suffering…

But London always rises again. London is a monument; to the hard times, to the good. Celebration of what we have been, what we are today. London. Our heart, and our sinews, and our voice. Poetry, and prose. People, and places. London now throws open its doors to a new theatre of dreams. A city in waiting. A city on the move; humans on the move. Fascination with making the next step faster, stronger, and being the fastest and the strongest.

This… is London of the Olympic Games. And since this is our heart and our voice, London must feel and speak of romance, of love. London is ready- so take a deep breath… But not for long, for London is about to cry out… with heart and soul!

Let the games commence.

Comments

  1. Reblogged this on Beto Bertagna a 24 quadros.

  2. Daniela,
    Estou falando do Rio de Janeiro e como dizemos aqui: “Você matou à pau!” Perfeita.

    Vc já conferiu o abaixo:

    A BRITISH AIRWAYS” PEDE AOS BRITÂNICOS QUE NÃO VOEM…

    A transportadora aérea oficial dos Jogos Olímpicos de Londres – a British Airways – pede aos britânicos que não pensem em ir para outros lugares, que unam-se para torcer pelos atletas do seu país dando-lhes a vantagem por estarem em casa e sentirem o apoio de sua gente. Tal apoio poderá ser a diferença em segundos e milímetros para os atletas britânicos que participarão da maior competição desportiva do mundo, transformando prata em ouro.

    E a ideia do vídeo está brilhante! Um avião a percorrer as ruas de Londres, ao som da música “London Calling”, dos “The Clash”, com um final que reflete bem a intenção principal da campanha. Eu achei generoso, patriótico e fiquei feliz pelo cidadão inglês comum ser embalado por tal atitude.

    Bjo Norma

    Fonte: Internet p/Todos

  3. Daniela Major says:

    Norma7 ,não conhecia o anúncio. Está excelente. Até porque London Calling é dos meus singles preferidos. E ser uma companhia área que precisa de lucros a dizer isto…bom não deixa de ser fantástico.

  4. maria celeste ramos says:

    Ora bem já me esquecia desta british dimensão – 1948 a 1ª que se mostrou ao mundo pela TV (eu não tinha claro) + as velhas glorias do desporto (sr Crato odeia desporto há que poupar) + Royal Navy + a Luz da cidade *a noite + a chama olínpica Tamisa acima e uma Tower iluminada exemplarmente – a MEMÒRIA o que não pode faltar a ninguém – (que apaga-se a arraza-se a memória é preciso é acabar com isso) – much very – linda cancão da Vida e da Morte – acabou – que comecem os JOGOS – Grécia bre o desfile – 204 comités de representação –
    Desfila a Grécia em 1º lugar e depois alfabeticamente + angola que já esteve em 1980 + Barbuda + etc + argentina + Arménia + Aruba + Australia+ Austria + Azerbeijão +Bahamas +Bahrain +Bangladesh+Barbados+Belarus+Belgica+Bellize+Benin+Bermudas+Bhutan+Bolivia+Botsuana + Bosnia Herzegovina + Brasil + Brunei+Bulgaria + Burkina Faso + Burundi + Cambodia + Camarões +(que lindas vestes)+Canadá+Cabo Verde + Caymão + Central Africa República +Chad+Chile+ república da China + Comores + Congo + Cook Islands + Costa Rica + Croatia + Cuba + Cyperus + Rep Checa + Rep Dem Coreia + Rep Dem Congo + Dinamarca + (os hinos nacionais de cada país foram recompostos para terem todos o mesmo tempo de duração + Diboutji + Rep Dominicana + Equador + Egipto + El Salvador – 370 mil pantas originalmente semadas e vindas de cada país (clarop são os maiores horticultores do mundo- estufa de )+ Eritreia + ilhas Fiji + Finlândia + (já vão 67) + Macedonia + França + (ai como Cubertan sabia unir) + Gabão + Gambia + Georgia + (O vezúvio cuspiu e Londres foi a opç~ºao anterior que era para Roma) + Germany + ( o desporto faz mais e a coreia norte que xatice) + Grenada + (4 mil arvores de 20 anos no estádio) + 300 mil aquáticas + Guatemala + 350 campos de futebol para + Guiné + Guiné-Bissau + Guyana + (65% é sustentável) + Haiti + Honduras + Hong Kong + Hungria + (tantos homens com penteado à Ronaldo com crista de galo) +
    Islândia + Atletas olimpicos independentes sem representação portanto (sem pátria ?? como foi timor anteriormente)+ India + Indonésia + Irão + Iraque + 8parece que há tantos participantes machos como fêmeas) + Irlanda + Israel + italia + Polónia + Portugal (lindos e Cavaco a sorrir e telma com sorriso grande – são 77) + Porto Rico + Qatar + Roménia + Federação Russa + (e medeliev presente) + Rwuanda + Saint Kitts + Saint Lucia + Grenadines + Samoa + San Marino + São Tomé e Principe + Arabia Saudita + Senegal + Sérvia + Seychelles + Serra Leoa + Singapura + Eslovaquia + Eslovénia + Ilhas Salomão + Somalia + África do Sul + Espanha + (Sofia está presente e o rei não – são tantos que parece invasão) + Sri Lanka + Sudão + Suriname + Suazilândia + Suécia + Suissa + Siria + Taipé + Tajiquistão + Tanzânia + Tailândia + (já 183) Timor-Leste + Togo + Tonga + Trinidad e Tobago + Tunisia + Turquia + Turkemaquistão + Tuwalu + Uganda + Ukrania + Emiratos ´rabes Unidos + USA + (Obama + Miclelle – mas que invasão de gente) + (fato natação tem novas regras) + Uruguai + Uzbequistão + Vanuatu + Venezuela + Vietnam + Ilhas Virgens – Yemen + Zambia + Zimbabwe + UK grã Bertanha –
    7 mil milhões de peças de papel deitadas no Estádio (que limpará o lixo ??) – David Bowi + Familia Real presente + epectáculo memorável diz o locutor + 30ª Olimpída + música ingleca banda + fogop artifício a fechar o estadio em tecto + jogos de cor das áreas de bancada linda – parece Los Angeles de há anos + gente de biciclete com asas de borboleta de luzbranca lindo + blusão azul narigão vermelho +
    rainha fala – declaro abertos os JO da era moderna etc- ++ FOGO – bandeira braca olímpica – om Seilassie + Bank-y- Moon + (são 8 pessoas pacifistas tudo braco a cor da paz ou 10 ??) – parece o boxer Muamed Ali ?? que tem alzheimer um dos 8que seguram a bandeira olímpuca – agora levada pelos militares – e hasteada – ao pé de todas as dos países no monte de relva natural feito para isso – – agora pelo rio um barco com — que nem entendo ah vem a chama olínpica e a PIRA e David Beckman acende – e Steve ?? vai acender a Pira e o estádio em grande escuridão (que sorte nem chove) –
    um grupo e 7 meninos (que simbologia do 7) esperam e há uma entrega da chama e eles correm (num lindo triângulo) então com a passagem de geração do FOGo da paz – abraçam os “velhos” – são agora 7 chamas – (que lindo mais um segredo) – Bem este sujo espaço de industria é agora de grandeza – e as pétalas de BRONZE carregadas por cada menina de cada país são acendidas TODAS e fazem 3 circulos concêntricos de LUZ à volta do Estádio – lindo
    lindo lindo e as chamas unem-se no ecntro mas que maravilha no centro do estádio + fogo artifício – beleza requintada – quem teria sido o ou os designers – e decorrem imagens de tempos passados – agora sir paul mccartney – ainda grita bem no centro um sino doirado – dei os meus vinis dos Beatles – parvalhona – e dança-se claro – e todos cantam – velhos e novos – é mesmo um happenning – e como o na na na nos entendemos – e já há meninos encavalitados uns nos outros numa grande formal informalidade – boas vindas a londres com musica que vendeu 8 milhões de cópias – está aberta a 30 olímpiada – que bonito ver o rosto das pessoas presentes no centro – jogos da sustentabilidade e paz e de querer todos unidos e que cada um se supere até ao impossível
    segue filme de Polansky Por favor não me mordam no pescoço – nem pensar ver este horror – já nem sei que filme tão horroroso fez que depois a mulher com quem vivia apareceu assassinada – ++ a moody’s a xatiar agora a Alemanha -. quem serão estes vampiros moralistas castigadores e juizes e carrascos – agora fingem que “ameaçam” a alemanha – o circo financeiro – sem EUROPA o m undo nem sequer é mundo – e o “boi branco com caracolinhos” tem mesmo que ressuscitar – quando fui a Atenas tinham acabado de retirar do fundo do mar e estava no cais (Chalkis) uma escultura mais do que maravilhosa de mármore branco e cabeça fantástica com caracolinhos ns cabeça entre as orelhas – pensei que ets s “europa” que na mitologia grega tinha entrado mar dentro e nunca mais ninguém o (a) viu – o sr Zeus é um Sacana – vamos ver se o “boi” ressuscita – preciso de tornar a ler “la mytologie chez les grècs” – só os deuses nos podem salvar

  5. maria celeste ramos says:

    Adorei ver hoje os jogos olimpicos – tudo tão impecável – os atletas lindos e tão bem vestidos e aprumados e com alegria na cara e tantos deles com os seus países em guerra e na miséria, mas estiveram presentes – E nesta era digital tantos que tinham a sua minicâmara e fizeram imagens – 204 delegações e as pétalas em cobre para a luz e tantas surpresas tão bem organizadas – foram os jogos mais atípicos de sempre – espectáculo invulgar e de rigor e beleza e arte e técnica – ao menos todos os presentes puderam ESQUECER tudo e estarem unidos perante tanta beleza e união total – e o cuidado de ter nesta cerimónia de abertura tantos feminimos como masculinos – ai ai – bonito – E se os homens sabem estar em PAZ através desta beleza do desporto porque é que amanhã voltam a casa continuar a guerra que tanto gostam de fazer ??
    Interessante como desta vez até Bank-y-Moon participou nesta cerimónia – é bonito – e nem esqueceram o campeão de box (desporto que detesto) Muahmed Ali que nada o livrou da terrivel Alzheimer
    Parece que nem posso pensar tão mal como penso daqueles senhores do apartheid mas eu sou de muitos “moods” – o sr de Cubertain sabia o que fazia mas desde que os olímpicos foram contaminados pela política não há olimpus nem deuses a safar o mundo – mas não há (ou havia) os Jogos Píticos em honra de Pitias – já não recordo nada – tenho de ir estudar ais uma vez mitologiada Grécia e de Roma de que tanto gostava – ai memória

  6. Sim, Londres é tudo isso o que dizem. É uma das mais notáveis e excitantes cidades do mundo! Ela tem sempre alguma coisa diferente para oferecer a cada tipo de visitante. Uma terra de vanguarda, multicultural e com arquitetura espetacular. Tudo isso porque no século 20, a cidade foi palco de importantes transformações culturais.

  7. gostei imenso do seu comentário, é uma análise crítica muito oportuna, dificilmente irei ter oportunidade de ler melhor!
    a guerra à França é bera mas é en passant… aceita-se!

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s