Concursos de Professores avariam Crato

Vamos lá ver se a gente se entende:

– vai meter os contratados nos quadros ou há gente a mais?

E quanto à população, sugeria outras leituras.

Mas o que fica desta conversa do Sr. Ministro é: será que o chip está com problemas? Porque me parece que há aqui qualquer coisa que não bate certo…

Comments


  1. Pois acho que tens toda a razão. Afinal é apenas uma questão de aritmética, e o senhor ministro é um matemático, o que resta é zero, Nem haverá professores contratados nos quadros, nem os do quadro terão lugar para contrato. Acho que é apenas uma questão de tempo. Este ano ficava mal correr com tanta gente e inventou-se um concurso, que serviu para pouco, o futuro não trará melhores dias, os “Cratos” não voltarão a cometer erros “Crassos”, irão delinear uma estratégia e, calmamente, despedir o pessoal que, supostamente, está a mais.

    • Erro Crassus não haver professores de Geografia says:

      despedir com a média de idade no quadro nos 40 e muitos a 50 e tal nalguns grupos?
      Bolas onde é que há dinheiro para isso?
      Se os grupos de contratadores canadianos não pedissem dinheiro adiantado, para o meio do ano tinha menos uns 300 putos aqui nas escolas do bairro.
      Só restam duas gruas das 60 que havia há um ano e isto sem construção civil, sai tudo, a primária do lugarejo com 200 velhos e 100 de meia-idade perdeu 15 putos para a suiça e holanda neste mês em que a escola não começou.
      Vai abrir este ano com 18 putos e para o ano?
      Sinceramente
      Vai ver as escolas do sabugal 2007 e agora 2012

  2. ninissaia says:

    O Sr Crato é de gestão, não é matemático, depois é troca tintas e vende-se por pouco 🙁

    • Simplório sem educação says:

      não, é um bom professor de matemática, ou era, é ligeiramente entorpecente no discurso
      quanto ao resto se houver 6 milhões de portugueses ainda aqui no pedaço em 2030 vai ser uma sorte

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.