A actualização da foto (alternativa) de capa de Carlos Abreu Amorim

Um destes dias, um leitor alertou-me para uma actualização facebookiana peculiar. O deputado Carlos Abreu Amorim tinha uma nova foto de capa mas a dita não era propriamente nova. Ou tampouco uma foto. Era um print screen de uma peça da RTP sobre a emigração pós-troika, de Outubro de 2012, e o jovem na imagem, escolhido pelo social-democrata para forrar o topo do seu perfil no Facebook, tinha acabado de escrever uma carta ao então presidente Cavaco Silva. Uma carta onde afirmava sentir-se expulso do país. Um país governando por Pedro Passos Coelho, que Abreu Amorim apoiou incondicionalmente.  [Read more…]

O défice, os parasitas e a propaganda

No final da passada semana, quase à mesma hora, Público e RTP trouxeram Conselho de Finanças Públicas à baila. No primeiro, ao bom velho estilo marxista que por lá impera, destacava-se a possibilidade, aventada por Teodora Cardoso, sobre os perigos de um défice acima dos 3%. Na estação pública, naturalmente controlada pela Geringonça, é referido um relatório do CFP, que aponta para um défice de 1,7% em 2017, caso o sistema bancário não entre novamente em colapso. 

Três dados a reter: 1) apesar de Teodora Cardoso, o CFP parece ter deixado de contribuir para o peditório do Diabo, 2) o problema continua a ser o mesmo – os bancos, os seus parasitas e as suas vidas acima das suas possibilidades, que continuam a pôr o país em xeque – e 3) o Público do senhor Dinis não se limita a purgar a sua redacção de perigosos esquerdalhos, tendo já adoptado o idioma oficial da propaganda de direita.

A insustentável leveza da generalização xenófoba

paulo-dentinhoPedro Pereira Neto


Paulo Dentinho
, na sua qualidade de director-logo-especialista-em-tudo, em directo a generalizar a partir de pessoas que vão a mesquitas para pessoas que são terroristas, falando de “esta gente”. Nada de novo.
Talvez na sua qualidade de português-logo-católico-logo-equivalente-ao-terrorista-cristão-anders-breivik, devesse ter algum cuidado com a ligeireza da generalização xenofobico-doce que aplica a outrém.
Nem vou comentar esta prática de consanguinidade profissional de fazer-se convidar para o noticiário do próprio canal: prefiro deter-me na constatação de que estamos tão bem servidos de pirómanos nas ruas como nas redacções.

Talvez por isso seja tão mais fácil noticiar Wilders em vez de Klaver. Talvez também não seja apenas nas forças de segurança que o pensamento exclusivista tem ganho terreno.

Para esquecer de vez o do bolo rei…

20170307_191517

… porque este é definitivamente mais bolos (e parabéns, RTP. Apesar de tudo).

Todo o arquivo histórico da RTP está disponível na Internet

Excelente notícia! Pode aceder ao arquivo aqui.

A exactidão e o estendal II

Pegou no estendal, uma armação leve, duas patas para apoiar no chão, dois braços que se abrem e fecham, pegou nele com a roupa ainda estendida, empurrou-o para fora de casa, arrastou-o a ranger pela tijoleira do chão, pelo empedrado da rua, e foi sentar-se com ele no largo ali ao pé.

— Carla Romualdo

Accuracy
Accuracy
Practice all day for accuracy

— Smith/ Tolhurst/Dempsey

quand vos copies seront terminées, cherchez dans le dictionnaire les mots de l’orthographe desquels vous ne serez pas sûr.

Stendhal

***

Efectivamente, durante as tardes de sábado, convém ler o Aventar.

rtp-2522017a

***

 

Afinal vai haver um 2º volume

“Se a saúde me permitir, eu vou escrever um 2º volume” – Cavaco Silva. Ficámos a saber que o primeiro foi escrito em parte em Belém. Será que o 2º será relativo aos temas que Cavaco deixou por escrever?

Não percebeu a ideia? Não faz mal, passamos outra vez!

Sim, aconteceu ontem. Sim, aconteceu na RTP. Confirmem nas vossas boxes de tv cabo. Os que tiverem uma. Sim, a RTP voltou a passar o mesmo episódio d´ O Apocalipse de Estaline que tinha passado na semana passada. E alguém ainda teve o descaramento de modificar a sequência dos episódios no site. Assim, o episódio que passou no passado dia 6, aparece no site da televisão pública como exibido no dia 13. A prova de tal facto? Se o programa é semanal e é apresentado de forma exaustiva com um spot que o anuncia como um dos programas de proa da estação para esta época do ano, não faria o mínimo sentido provocar um hiato de uma semana na exibição do mesmo.

Erro de televisão? Não creio. Uma autêntica vergonha, patrocinada com o dinheiro dos contribuintes, com propósitos políticos altamente vincados que visam executar a propaganda que a direita quer que a RTP execute.

Quem é esta gente?

A primeira notícia, da RTP, é total e premeditadamente falsa. As outras são todas verdadeiras.
Quem é esta gente que nos anda a informar?

news

A Rádio (Im)popular

radio-popular-660x330

A RTP merece um enorme aplauso graças a um programa televisivo que, ao longo dos tempos, se destaca pela qualidade do seu jornalismo de informação, o “Sexta às 9”. Não escondo o espanto sempre que o vejo pois não estou habituado a jornalismo de investigação semanal no nosso país e ainda menos com esta qualidade – nem sequer escondem o nome das “crianças”. Coisa ainda mais rara.

Desta vez, a reportagem foi sobre a Rádio Popular e a venda de telemóveis iPhone como novos quando na realidade são usados, mais precisamente, recondicionados. A reportagem pode ser vista neste link.

[Read more…]

O principal nomeado para o Prémio Quanta Falta de Vergonha na Cara 2017

“Porque aquilo que nós estamos a fazer com esta acção (votar contra a descida da TSU na Assembleia da República) é salvar a concertação social e não parece”– Luís Montenegro na Grande Entrevista, RTP, em 18-01-2017

Os Boys

Os Boys - Série da RTP

Documentário sobre os bastidores da política em Portugal: 😉

Ligações para a primeira época:

A “Mindfulness” do Primeiro-Ministro de Portugal

ac_mf

A pressão arterial do Primeiro-Ministro manteve-se inalterável em face do Tigre (de papel). António Costa é muito forte e será muito útil a Portugal e ao mundo nos próximos anos. Depois será o que quiser. Talvez até um Rei pobre.

A RTP e as encomendas da Geringonça

rtp

É mais um episódio de falta de isenção neste país ensombrado por uma imprensa vermelha e totalitária. No final da entrevista que António Costa concedeu ontem à RTP, o canal público reuniu um painel de comentadores claramente parcial e favorável ao primeiro-ministro e à maioria parlamentar. Ou não estivesse a RTP ao serviço deste governo soviético.  [Read more…]

Well done, RTP!

rtpi

Segundo a RTP, Pedro Dias intregou-se. Sim, leu bem: intregou-se, pretérito perfeito do verbo intregar, terceira pessoa do singular. Por momentos, cheguei mesmo a pensar que o tipo se tinha entregue às autoridades.

Tortura nos Comandos?

comandos

Uma investigação do programa Sexta às 9, da RTP, que cita testemunhas e familiares de Hugo Abreu, um dos militares recentemente falecido durante o curso dos Comandos, refere que o jovem terá sido forçado a comer terra quando se encontrava já em convulsões.

Honestamente, não quero acreditar que isto possa ser verdade. Não quero mesmo. Porque se for, é preciso encarcerar, imediatamente, o troglodita responsável. Uma brutalidade destas não é treino, não prepara ninguém para melhor defender a pátria nem honra o exército ou a nação. É apenas cruel e perverso. É tortura. Estamos em Portugal, não em Abu Ghraib. E estamos a treinar Homens, não carrascos.

Foto@DN

A Fé na Ciência

red-brain-smaller

 

“Ciência à beira de descobrir a cura para a doença de Alzheimer – Mundo – RTP Notícias”.

14/9/2016

 

Quem estiver atento reparará que são recorrentes as notícias sobre curas de doenças temíveis, doenças que afectam muito a vida de muitas pessoas. Na verdade, tal como em outras situações, o conteúdo desta notícia (sem link) não corresponde minimamente ao título, que está lá apenas para causar espanto e interesse instantâneo. Trata-se quase sempre de material especulativo, sem nenhuma validação científica nem verificação prática.

A propaganda da Ciência vive deste tipo de truque, desta expectativa estendida ao infinito através dos meios de comunicação que propagam constantemente a descoberta da pólvora, da vacina para o cancro, a cura para a demência, o fim do sofrimento.

Se não estão ocupados nestes falsos milagres, os “cientistas” estão a descobrir novos planetas com água, para lá das fronteiras do sistema solar, acessíveis pela televisão, ou pelos filmes, ou pelos sonhos.

É isto a Fé na Ciência.

Carta do Canadá – Que vergonha

parte-do-tesouro-da-caravela-bom-jesus-encontrado-na-namibia

Parte do tesouro da caravela Bom Jesus, encontrado na Namibia. Imagem: Dieter Noli

Confesso que fiquei enraivecida com o  SEXTA ÀS 9 transmitido pela RTP, aquele que abordava a tragédia dos incêndios e os preciosos salvados arqueológicos duma nau portuguesa do século XVI ao largo da Namibia. Grande adepta do jornalismo de investigação, que considero uma das traves mestras em que se sustenta uma democracia digna desse nome, é com desgosto que olho para a descredibilizada imprensa escrita, essa que serve partidos e interesses bastardos.  Mas, até agora, tenho seguido com apreço o programa acima citado por ser aquele que salva a honra do convento. Até quando, é o que vamos ver.

[Read more…]

PSD domina comentário político na televisão

A análise do Laboratório de Ciências da Comunicação do ISCTE-IUL aos comentadores «residentes», nas televisões em Portugal revela que o partido com mais comentadores e que, simultaneamente, são militantes partidários é o PSD:

A análise realizada encontrou 27 espaços de comentário «fixo» de militantes partidários. O PSD tem 11 espaços de comentários fixos, o PS tem 7, o BE tem 4, o CDS-PP tem 3, o PCP e o L/TDA [ Livre/Tempo de Avançar] têm um cada. [European Journalism Observatory, 12 de Maio de 2016]

 

Espaços de comentário televisivo

[Read more…]

Bilhete do Canadá – O Viveiro dos Medíocres

image

António Esteves Martins demitiu-se do seu lugar de correspondente da RTP para a Europa, que exercia desde 1991.  E disse claramente à direcção da televisão estatal porquê: não estava para aturar as insinuações e intrigas de Victor Gonçalves, um que exibe boquinhas em cú de galinha sempre que, armado em chico esperto, se põe a fazer perguntas repetitivas aos entrevistados à laia de inspector policial que quer apanhar o criminoso de qualquer maneira.  A direcção da RTP não respondeu a Esteves Martins, calou-se, o que diz bem da sua ausência de coluna vertebral. Não é novidade, mas regista-se.
[Read more…]

As dúvidas da RTP

RTPa

The chief pleasure of these philosophers lay in going every Saturday night when work was done to Chaseborough, a decayed market-town two or three miles distant; and, returning in the small hours of the next morning, to spend Sunday in sleeping off the dyspeptic effects of the curious compounds sold to them as beer by the monopolizers of the once-independent inns.

— Thomas Hardy, Tess of the D’Urbervilles

***

A RTP tem dúvidas e pergunta.

Não, RTP. Não é ‘retificativo’. É rectificativo. Rectifique-se.

Pelo menos, a RTP pergunta. Por exemplo, se o Diário da República e o Núcleo de Instalações, Equipamentos e Logística da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa tivessem perguntado, teriam obtido resposta semelhante.

dre 262016

Assim, lá terão de rectificar, como aconteceu com a Câmara Municipal de Ovar, obrigada a apresentar declaração de rectificação de edital publicado no Diário da República de 7/12/2015, no qual se grafara ‘contatar’, em vez de ‘contactar’.

RTP anuncia dimensão da manifestação 6h antes desta acontecer

A situação é rocambolesca. Às 8:51 de hoje, a RTP anunciou que a manifestação dos amarelos teve 30 mil pessoas.

Contratos de associacao - RTP

A imagem da esquerda corresponde à publicação original, obtida do feed RSS da RTP. Tinha um erro na hora de publicação, o qual foi posteriormente corrigido. É um detalhe secundário, mas revela algo espantoso. Os factos ainda não aconteceram e a notícia já está escrita.

  • Repare-se na ambígua formulação da frase, que para ser correcta deveria dizer “Esperam-se trinta mil pessoas em protesto na Assembleia da República contra cortes nos colégios”.
  • Registe-se a construção da realidade pelo uso de uma imagem do passado, sem enquadramento, como se de um vislumbre do futuro se tratasse.
  • Atente-se ao posicionamento das câmaras de vídeo, de proximidade, sem visão de conjunto que documente a dimensão dos eventos.

Conversas Vadias

agostinho_da_silva-conversas_vadias

Conversas Vadias – série de entrevistas a Agostinho da Silva, produzidas pela RTP. Vinte e seis anos depois estas conversas continuam actuais, surpreendem pela claridade, perspicácia e saber demonstrados pelo entrevistado.

Página do programa na RTP.

Bilhete do Canadá: RTP e jornais

Noite de 19 de Maio.  RTP.

PALAVRAS E ACTOS. Moderado por Carlos Daniel.  Convidados, João Galamba (PS) e Nuno Melo (CDS).  Não há nada a fazer com  Nuno Melo e a sua desonestidade intelectual.  Usa a chicana e a regateirice como armas para esconder a ignorância e a impreparação. É abissal a diferença entre ele e Galamba. Mas Melo é deputado europeu.  Grande gamela os europeus andam a sustentar…

NOTICIÁRIO.   António Costa, após anunciar o Simplex, pegou no brinquedo, divertiu-se e divertiu: pôs uma vaca a voar.   Levar certas coisas na gozação é a melhor maneira de estar ao lado do povo, que é trocista e gosta de rir.

DOS JORNAIS.  Duarte Marques, aquele que vem de Mação como o super-juiz, está radiante: foi encarregado de entregar à FCT os documentos fornecidos ao PSD pelo fulano que fez uma falsa denúncia contra o ministro da Educação.  Há tipos assim, vivem das queixinhas e das manobras pidescas. Porque será que isso tem a ver com a mediocridade, a inferioridade?

RTP, onde o rigor impera

RTP

Não é preciso ser muito versado nas áreas da economia ou da estatística para perceber que há algo de errado com este gráfico. Por um lado temos os dados relativos ao crescimento económico de Espanha, Itália, Alemanha e França no 1º trimestre de 2016. Apesar do intervalo de 2,4 pontos percentuais que separam Espanha de Itália, os quatro Estados parecem estar todos no mesmo patamar de crescimento. Por outro lado temos Portugal, que apesar de estar atrás de Itália por escassas duas décimas, parece ter crescido apenas uma. Notem a diferença entre Alemanha e França, separadas por três décimas, e retirem as vossas próprias conclusões. É o rigor informativo do serviço público prestado pela RTP. José Rodrigues dos Santos deve estar orgulhoso.

Imagem via Os Truques da Imprensa Portuguesa

 

José Rodrigues dos Prantos

JRP

era o nome da personagem do Contra-Informação que satirizava um jornalista que cresci a acreditar tratar-se de alguém imparcial e coerente mas que, com o passar do tempo, vim a perceber que é na verdade um indivíduo incapaz de separar as suas crenças ideológicas da necessária isenção que a sua função exige. Dizem que é serviço público. Agendas.

José Rodrigues dos Santos tem presenteado os portugueses com alguns episódios dignos de registo. A fábula dos paralíticos gregos, a brincadeira de mau gosto que visou o deputado Alexandre Quintanilha ou a forma nada profissional ou ética como por várias vezes se referiu aos partidos de esquerda como “extremistas” e “radicais”, quais operacionais do Daesh, são casos que ilustram a visão enviesada e facciosa do exercício das funções que o pivot da RTP exerce. [Read more…]

Uma adolescente histérica

é o que me vem à mente quando visualizo este momento anedótico de José Rodrigues dos Santos. É o jornalismo que temos.

OE2016: estrangulamentos e constrangimentos

cameron

via The Independent (http://ind.pn/209b6Pq)

O Governo reitera que “está tudo a correr bem”. Considerando o passado recente, este “correr bem” é extremamente duvidoso. Ainda por cima, se não correr bem, sabemos que é possível “*contatar o governo”,

contatar

esperar que haja “receção de *contato de qualquer recetor” e manter “contato permanente”.

contato

Estrangulamentos? Constrangimentos? Onde?

António Guterres e os contactos

guterres ONU

© REUTERS/DENIS BALIBOUSE (http://bit.ly/1KyeIU3)

No chance for contact

— Queensrÿche, “I don’t believe in love

***

Segundo Público,

o Governo está a levar já a cabo os contactos internacionais e diplomáticos para assegurar apoios para a eleição de António Guterres como secretário-geral da ONU. Isto significa que o Ministério dos Negócios Estrangeiros está a mobilizar a máquina diplomática e os contactos têm sido estabelecidos de modo a que a candidatura de António Guterres tenha hipóteses reais de poder tentar o sucesso na eleição do nome que irá substituir o sul-coreano Ban Ki-moon a 1 de Janeiro de 2017.

Contudo, as fontes X, Y e Z desmentem a realização de contactos: [Read more…]

Secretário de Estado do Turismo assume integrar um governo a prazo

Adolfo Mesquita Nunes, secretario de estado do turismo, Lx.

É um daqueles episódios caricatos que, não fossem os intrometidos dos jornalistas, não teria passado de um momento de confraternização entre o hoje reconduzido Secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes, e o deputado socialista João Galamba. Mas, lá está, a RTP apanhou-o a jeito e a declaração fica para a história, com uma nota de honra e coragem para o centrista, que teve a capacidade de assumir que o governo hoje empossado não passa de uma mera formalidade e que se encontra literalmente a prazo. Isto, claro, caso o PS pretenda sobreviver enquanto partido. Porque se depois de todos os esforços para despachar este governo de volta para a São Caetano à Lapa e para o Caldas se lembrasse agora de recuar, suspeito que assistiríamos ao nascimento do PASOK português.

Voltando à frase do dia, disse Mesquita Nunes ao colega Galamba:

Daqui a 15 dias és tu que subirás esta escadaria.

Fonte do CDS ainda tentou dar a volta ao contexto e convencer os jornalistas de que se tratava de uma pergunta e não de uma afirmação. Em todo o caso, pergunta ou afirmação, a intervenção de Adolfo Mesquita Nunes é muito clara e ilustrativa do sentimento que se vive entre os membros do novo governo: a sua situação é precária e a queda do governo uma questão de dias. Haja alguém com consciência no meio de tantos contadores de contos para crianças.