Lusa Bipolaridade

Em público, toda a gente quer que o Governo caia. Em privado, até o mais esquerdeiro se borra à conta da turbulência atómica desse transe.

Comments

  1. Bufarinheiro says:

    Que caia e parta os cornos!!!

  2. Amadeu says:

    Tu, mesmo antes de cair o governo, já estás em transe. Permanente, diga-se de passagem.

    http://youtu.be/QVe5h0av8rA

  3. Amadeu says:

    Andas a dar na Adventista do Sétimo Dia, meu granda malandro.

  4. Fernando says:

    Faz lembrar o palavrossavrvs, às vezes diz que o regime terminou, às vezes é um acérrimo defensor do “não há alternativa”. O tal “não há alternativa” das oligarquias transnacionais é uma marca registada, patenteada e implementada no subconsciente da ralé que padece de síndroma de estocolmo.

    O palavrossavrvs, que se diz desempregado (e nessa condição vai ficar, talvez, para o resto da vida…), também se borra de medo com o fim do regime, o que ele gostava era que D. Sebastião, ou Cristo, ou mesmo ciber-Cristo Neo o salvasse…

  5. nightwishpt says:

    Claro que sim, como se qualquer taxista não fosse melhor primeiro-ministro do que este fdp.

  6. fernando says:

    este palavrosssavrsss….

    em vez de desempregado, deve ter é um tachinho arranjado por estes empreendedores governamentais.

    daí, quem se está a borrar todo deve ser o próprio, com medo que lhe tirem o lugar. possivelmente nem os textos rebuscados e pseudo culturais lhe vale.

    mas já lhe não passo cartão nem leio metade da pataquada que escreve, embora lhe reconheça todo o direito e respeito isso, claro.

  7. João Paz says:

    “até o mais esquerdeiro se borra à conta da turbulência atómica desse transe”
    Esse tal de esquerdeiro deve ser o autor desta publicação e de muitas outras de teor igual ou semelhante.
    Uma coisa é certa só tem medo do derrube destes Migueis de Vasconcelos que ocupam o desgoverno quem preferir CONTINUAR com a cabeça na areia ou quem nunca tenha tirado a fralda por incontinência fecal congénita.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.