CGD, um dos locais dos crimes do Governo

João Coutinho recebeu de 500 a 800 mil euros para sair da CGD em 2004. Alega não se lembrar exactamente do valor. Agora,  Passos Coelho, sem vergonha, convida-o a regressar à administração do banco público. Brasil? Convém também olhar e agir em Portugal.

Comments


  1. Perfeitamente de acordo consigo . A CGD tem sido um dos mai-ores antros de corrupção , na qual tem imperado , sobretudo depois do 25 de Abril .
    Eu seu bem o que é ser vítima da classe bancária., que são igu-
    almente falsos como os políticos , apesar de falarem mal deles Todos gostam muito de luvas .
    Isto é tudo a mesma seita . Só interessa sacar , de tal maneira que e a situação dos bancos está aí à vista , o que ando a de-nunciar há cerca de 30 anos .Todos mais que falidos , como a CGD , mas todos sempre em pé , porque o contribuinte é que sustenta todas estas golpadas ..
    Estes indivíduos da Banca são todos uns habilidosos , mas tal
    como os políticos , são igualmente todos sérios .
    Este Coutinho se foi novamente para a CGD é porque é dos tais
    que se sabe pôr a jeito , daqui a uns tempos veremos .
    Se a minha boca se abrisse sobre a corrupção e arbitrariedades
    da Banca , nunca mais se fecharia .
    Sempre disse . A BANCA É O MAIOR ANTRO DE CORRUPÇÃO
    pior que os cartéis da droga e das armas , em toda a parte do
    mundo .
    Só em portugal , veja-se os casos de Jardim Gonçalves e de Américo Amorim , para não falar noutros .
    Há muitos funcionários bancários que também comeram e ainda continuam a comer muito . Não são nenhuns santos .
    Na Banca é só podridão e sujeira .


  2. Os brasileiros , de quem muitas vezes se diz tanto mal , abriram–nos , dest vez , o caminho a seguir .
    Tiveram tomates para uma Revolução Mundial e nós nem os te-
    mos para revolucionar aqui os nossos graves problemas , que não são assim tão difíceis de resolver .
    Bastava nós querermos como os brasileiros., mas somos um
    povo fraco e desunido , sem coragem , a não ser para dizer e
    fazer mal ao próximo .

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.