Comissão de inquérito ao caso BES ainda não começou

mas já promete ser uma anedota com o desfecho habitual. Para já ficamos com as recusas do Banco de Portugal, da CGD e do Novo Banco em disponibilizar os documentos requeridos pelos deputados. À vontade do freguês!

Comments

  1. joão lopes says:

    pois daqui a 10 anos(sendo muito optimista-eu gosto do P no optimista) chega-se à conclusão que a culpa…é do mordomo.vai uma aposta?


    • Qual mordomo? O Durão?

      • joao lopes says:

        o durão não é mordomo,o durão e o “motorista” da merkel ,o relvas é o “que abre as portas” e o coelho é o que “fecha as portas”.( sabe ,ando a vêr o “sim senhor ministro”,novamente,e acho esta serie arrasadora para os actuais politicos europeus.sim quem escreveu esta serie,sabia muito bem o que estava a fazer)


        • mais do que saber o que estava a dizer foi um visionário. a questão é que quando me deparo com o vocábulo “mordomo” não consigo abstrair-me do cherne…


  2. Desisti, como muitos outros portugues, há muitos anos de sequer seguir inquéritos seja do que for. Mais “debate” para evitar qualquer medida concreta.

Trackbacks


  1. […] Comissão de inquérito ao caso BES ainda não começou. […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.