O capitalismo (1/6)

Quais as origens do capitalismo? Tratar-se-á de uma evolução natural das sociedades humanas ou da aplicação de teorias elaboradas ao sabor das mudanças políticas e tecnológicas? Uma série documental do canal ARTE, em 6 episódios, todos aqui.

Russians

America it’s them bad Russians.
Them Russians them Russians and them Chinamen. And them Russians.
The Russia wants to eat us alive. The Russia’s power mad. She wants to take our cars from out our garages.

— Allen Ginsberg, America

***

Pois é.

Nem tudo depende da perspectiva e da concepção. Há outros aspectos a considerar.

intercetam eptam

Efectivamente, segundo o Houaiss (*), ‘interceptar‘ é um verbo [Read more…]

Pires de Lima em momento parlamentar insólito

Terá sido excesso de álcool? Se não foi parece

Negociação política para formar governo…

Brilhante

A direcção certa do ministro, o bloqueio à portuguesa e o multilinguismo à luxemburguesa

Santana Castilho *

1. A UGT fez 36 anos. Crato passou por lá, disse que a educação ia na direcção certa e ofereceu-nos um discurso absurdo, próprio do condutor que entra na autoestrada em contramão e se queixa dos outros, todos, que acusa de estarem na faixa errada. Pareceu aquele desequilibrado fundamentalista carnívoro que, da maçã, só aproveitava o bichinho.

Vejamos, em síntese, o despudor com que se elogiou.

Reforçou os conhecimentos essenciais dos alunos? Que são conhecimentos essenciais? Em que evidências se apoia para dizer isso? Há uma evidência, sim: queimou tudo o que é de raiz personalista e pública e promoveu a educação-mercadoria e privada.

Reforçou a avaliação externa? Fez os piores e mais iníquos exames de sempre, cujos resultados desmentem o que disse.

Valorizou o ensino profissionalizante? Eu digo de outro modo: elitizou o ensino, mandando crianças de 12 anos, com dificuldades, aprenderem uma profissão que não lhes dará emprego.

Aumentou o acompanhamento dos alunos com dificuldades? Como? Reduzindo professores de apoio, disciplinas, financiamento, todo o tipo de auxílios e complementos? Mesmo para a mentira há uma “ética”. Respeite-a, quando mente com tal despudor!

Valorizou a qualidade da docência? Varrendo a formação contínua? Instituindo a sinistra PACC? Despedindo em massa? Promovendo um concurso de vergonha sem fim? Tratando os professores como peças de um sistema acéfalo? [Read more…]

A grande mentira

Pedro,

Soube ontem do seu regozijo pela alegada descida do desemprego no país. Li o título e pensei que também podia chamar-se “a farsa”, ou “a fraude”, aquela peça que até seria cómica se não fosse trágica. Era já noite, moro a uns 150 km da sua realidade,e nunca tive o prazer de me cruzar consigo para lhe apresentar a outra, em que vivem milhares de portugueses – obviamente piegas e inevitavelmente acima das suas possibilidades, pois que insistem em comer todos os dias e em sobreviver, de forma por enquanto irrevogável. [Read more…]

Afinal não foi um pedido de resgate

Foi chantagem.