Passos Coelho, contador de histórias e de outras coisas que não existem

Ver Pedro Passos Coelho referir-se às propostas do Syriza como “contos de crianças“, independentemente de elas se virem ou não a cumprir, remete-me para os inúmeras histórias de embalar ovelhas com que este sujeitinho aldrabou o eleitorado na sua busca desenfreada pelo poder entre 2010 e 2011 e que o Ricardo Santos Pinto teve o cuidado de compilar pouco depois deste contador de histórias ter chegado ao poder.

Assumindo que este indivíduo, que mentiu deliberadamente aos portugueses para conseguir impor ao país exactamente o contrário daquilo que prometeu em campanha, a sua agenda além-Troika, se leva a sério, concluo que concordará que aquilo que a maioria dos portugueses sufragou nas Legislativas de 2011 foram meros “contos de crianças” que, parafraseando o homem que teve inclusive o descaramento de mentir no Parlamento, mais não eram que algo que “não existe“.

Uma das grandes diferenças entre Passos e Tsipras é que o primeiro-ministro grego ainda tem tempo para cumprir as suas promessas. Já Passos Coelho encontra-se em contagem decrescente para voltar a abrir portas numa Tecnoforma perto de si. Com alguma sorte ainda acaba no mesmo condomínio fechado de José Sócrates. Vou torcer para que isso aconteça. Devem ter muitas histórias para trocar. Cross your fingers!

Comments

  1. joao lopes says:

    o actual PM no mesmo “condominio” do socrates? vou montar uma banca de bifanas em evora.os 100 da covilhâ e mais 100 de massama já dá 200 bifanas por dia.vejam lá se eu não sou empreendedor…e canhecois ,bandeiras e pins,tou aqui tou rico.


  2. E não se pode exterminar esta besta?

  3. Fernanda says:

    Coitadinho.


  4. Este cavalheiro mente aos portugueses descaradamente. Cortar nos subsídios de férias e de Natal era uma tontearia durante a campanha; agora nega ter dito o que disse da intervenção do BCE; afirmou que não se lembrava dos MILHARES que recebeu duma certa empresa só para ganhar tempo para encontrar uma justificação menos esdrúxula. Finalmente, vem dizer que era tudo em ajudas de custo. Nem a dinastia Filipina ofendeu tanto a dignidade e a inteligência dos portugueses. Só não sei qual a empresa que irá gerir, quando for corrido do governo, mas que vai, lá isso vai.

  5. lisboa says:

    está protejido pelo chefe da quadrilha


  6. Reblogged this on O Retiro do Sossego.

Trackbacks


  1. […] escrevem cartas hipócritas com excesso de vírgulas, outros, mais versados na arte da aldrabice, classificam as ideias do Syriza como sendo um “conto de crianças” com a mesma lata com…. Que moral têm estes sujeitos para dar lições ao novo governo grego que ainda agora iniciou […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.