Uma boa muleta para um PSD manquinho


Cristas quer o CDS a mostrar o que vale nas Autárquicas” [E]

Comments

  1. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    O CDS transformou-se um partido encapotado, uma espécie de eminência parda gerida por um papagaio ou papagaia que repete chavões e que acciona o mecanismo respiratório do sistema, impedindo que ele expire de vez.
    Diz o povo quem não deve, não teme.
    E se pensarmos nas manigâncias que essa espécie de homem e político de nome Portas nos serviu – incluindo as irrevogabilidades – facilmente concluimos que o andar encapotado durante quatro anos, deu um enorme jeito a quem nunca foi claro nem se assumiu em termos de linhas políticas.
    Pessoalmente, não me acredito que o bolor e os princípios bolorentos, algum dia se transformem em algo de limpo e claro.
    E nesta papagaia que é capaz de negar sobre a Bíblia o contrário do que ontem afirmou, muito menos.
    Volto ao povo, sempre desejoso que a esperança nunca morra…
    Mas se o PSD está à espera “desta” muleta … acho que vai ficar manco toda a vida e o melhor seria mesmo comprar uma prótese.

    • Ana A. says:

      “… e que acciona o mecanismo respiratório do sistema, impedindo que ele expire de vez.”
      Brilhante!
      Subscrevo o seu comentário.

  2. ZE LOPES says:

    E o Dr. Lambreta bem se esforçou por cultivar, por esse país afora, uma clientela local baseada em favores ás IPSS e quejandos. Mas não sei se terão sorte. Essa gente é bastante gelatinosa, atraca-se ao poder que está!

    • Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

      E se o poder que está em funções não toma banho frequentemente … arrisca-se a ter um corpo estranho atado a si por toda a vida… como Freitas do Amaral, transformado em socialista, por exemplo…

      • ZE LOPES says:

        Não me parece que seja comparável às tais criaturas gelatinosas. Esses são os que vão a jantares com o Ministro Lambreta, aplaudem frenéticamente e, depois…deixam de aparecer quando a mota se vai abaixo. Vão atrás dos “que mandam”, pedir mais umas prebendas, talvez gasóleo. Ou gasolina!

        • Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

          Mas esse que refiro (Freitas do Amaral), foi mesmo atrás dos que mandam (ou mandavam na altura).
          Meu caro Ze Lopes a curvatura política de Freitas do Amaral, saído de um CDS para integrar o PS, não será muito diferente da curvatura política do Durão Barroso quando passa do MRPP para a extrema direita. Sabe, gente que é crescida (ou deveria ser), não devia ter idade, nem tempo, para devaneios deste estilo. Estes dois “caramelos” merecem-me exactamente a mesma consideração.

  3. CDS, o eterno partido parasita, que tanto se coliga à direita moderada e fingida como à direita quase extrema e labrega. É o que proporcionar o maior número de tachos por ministério.
    Os únicos votos justificados neste pseudo partido político são os da “nata” portuguesa, aqueles “abençoados” por nascerem em famílias abastadas e que encaram o estado social como um sorvedouro de dinheiro que tanto custou ganhar ao bisavô , que por acaso era conde de alguma coisa. Depois há aqueles que todas as semanas jogam 2 vezes no Euromilhões e votam no CDS não vá a sorte sorrir-lhes.
    Até hoje nunca conheci nenhum apoiante deste partido que merecesse um mínimo de respeito: são pessoas completamente alheadas da realidade, que vivem num mundo artificial onde as casas de banho se limpam sozinhas, os carros nascem na garagem da casa e a comida surge instantaneamente nos pratos. E os piores são os que chegam a deputados. Basta ver a velocidade estonteante com que os argumentos e opiniões de Cristas mudam nestes dias.
    Basta a um português ter de trabalhar um dia que seja para pagar uma conta de electricidade e automaticamente se apercebe da futilidade e inutilidade do CDS para os interesses nacionais. Ordinário mesmo é este auto proclamar-se um partido de centro quando está apenas a uns milímetros do PNR e lado a lado com o PPM no especto político.
    Espero sinceramente que os portugueses ganhem juízo no futuro e remetam esta desgraça para a extinção

  4. não vale um chavo como se sabe há muito…partido de betinhos provenientes de uma burguesia saloia do sec XIX e que se acham um must pois quando abrem a boca so sai excremento

  5. Manuel Rocha says:

    Boas

    E então a reviravolta do “PPD cor de rosa”, chamado José Sócrates e que foi 1º Ministro pelo PS, depois de ter feito a sua formação politica/ideológica na JSD. Mas era jovem dirão.! E o “Cherne” quando andava nos “pinta paredes” era adulto ?
    Não. O problema do oportunista PPD cor de rosa chamado José Sócrates é que ele na altura viu que no PPD/PSD o caminho estava tapado e “virou à esquerda”

    M Rocha

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s