E é nesta altura que regressam as canções de Natal

Contemporâneos: Salvem os ricos

Chegou a crise
Não há razão para temer
É que nesta crise
O Teixeira dos Santos vai-nos proteger

Mas neste Mundo injusto
O dinheiro está garantido
Para o pobre, o remediado
E o sem-abrigo

Mas pensa naqueles,
Os multimilionários
Ficaram sem bancos
E sem chorudos salários

E sem direito a indemnizações
Têm de pedir o aval
À sopa dos pobres dos ricos
O Banco de Portugal

O desespero tomou conta
De toda a Quinta da Marinha
Em vez de lavagante
Comem lambujinha

E vão ter de abandonar
O Conselho de Estado
O quadro do Miró
Foi penhorado

Porque esse Portugal
Já não é neo-liberal
Saberão que estamos no Natal!

O suprime limpou-lhes muitos milhões
A polícia trata-os como aldrabões
Saberão que estamos no Natal!

Salvem os ricos
Salvem os ricos
Salvem os ricos
Ajudem os milionários

Salvem os ricos
Ajudem os milionários

Comments

  1. maria monteiro says:

    e porque é Natal … todos os pobres, remediados e sem-abrigo devem adoptar uma família rica para a consoada e… levá-los à missa do galo

  2. Luis Moreira says:

    Os gajos andam mesmo necessitados, de umas missas…

  3. maria monteiro says:

    por isso é que vão construir a Igreja da Caravela….