Em apoio a Vera Fischer, como a compreendo

A actriz brasileira Vera Fischer, agora armada em escritora (e com elevada produção, pelos vistos escreveu 10 livros no espaço de um ano), foi bem clara na apresentação da sua, por certo, obra prima: “Eu não sei escrever pra gente pobre. Eu detesto.” Diz que a vida dos ricos é mais interessante. "Cada livro tem pelo menos uma viagem ao exterior." Uau…

vera_2112

Como a compreendo, Vera. Há que fazer opções, não é?

Por mim, há muito optei não ler livros de gente reles. Por isso, os nossos caminhos nunca se irão cruzar.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.