História

– Alguém se lembra como saímos da crise de 1929?
– Eu, eu, senhor, eu sei.

Comments

  1. Pedro Manuel Freitas says:

    A má semente está lançada.


  2. Por alguma razão os políticos alemães de direita ficam mais furiosos quando se lhes fala de Heinrich Brüning do que da Adolf Hitler.

  3. marai celeste ramos says:

    Eu não sei como se saíu de tal crise – mas souberam meus pais e eu ainda apenhei as réplicas de que bem me recordo e nem dá para esquecer e apagar da memória – mas minha ma – a resguardou-me de tudo – mais tarde e há poucos anos – vi na TV1 Mario Soares a comentar a reportagem ds Acontecimentos mais importantes do sé XX e, depois, os Acontecimentos que marcaram o sé XX português mas sem Soares – e, então, rompi em choro convulso por ter vivido a maior parte das coisas que não me explicaram na altura mas que ficaram no sub-consciente – e que em mim tinham ficado enquistadas mas nesse dia libertei – e hoje, não dói, mas não se esquece ver as “bichas” do racionamento” que também vi, nem os vidros da janela com adezivos bancos em cruz, em todos os vidros de janela do país, pois que não havia portas com vidros, como hoje – e isto nem dá para esquecer embora nunca se saiba em quem se “vota” e em quantas bocas se escrevem – mas essas reconheço como são poluídas e estúpidas e inúteis e perniciosas e a história repete-se com novas roupagens – que o diga Eça de Queiroz – há portuguses que não sabem evoluir para que o mundo avance – e têm todos os instrumentos para o fazer – mas são FP com hitler por baixo da roupagem de grandes pensadores e “dizores” – pena – não é bom andar ppara trás mas o presente tem PASSADO e é recomendável não esquecer, ao menos escrito nos livros de história que se devem ler – para não ESQUECER e melhor entender que há “sementes duras” como as das acácias que nem com o fogo morrem e, pelo contrário, ficam prontas para na melhor ocasioão, fazeram nascer a INVASORA -isto para quem queizer (e puder) entender – não para dar estigma a ninguém, mas para se fugir como o diabo da CRUZ mesmo com aqueles ar de bem vestidos e cabelinho bem cortado a alma “compativa” – a puta que os pariu – ai ai os “piegas” ?? o raio que o parta pelo menos para não dizer mais palavrões que não aprecio senão quando é preciso acertar na mouche porque nada mais poderá traduzir o que se sente e tem de vomitar

  4. Tito Lívio Santos Mota says:

    houve outro que achou a solução, que até seria muito adequada hoje.
    Estranhamente ninguém se “lembra”.
    Roosevelt com o seu New-Deal.
    Ou melhor, alguém se lembrou, os dois candidatos da esquerda às presidenciais francesas deste ano.
    Esperemos que ganhem.

    Tito Livio

  5. Nightwish says:

    O cartoon seria muito mais contundente se na segunda imagem os cidadãos aparvalhados na primeira se sentissem entusiasmados.

Trackbacks


  1. […] o blog Aventar posto esta imagem. E esta entronca num receio que, de quando em vez, vou partilhando com os habituais parceiros de […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.