Morram mais cedo, a bem ou a mal


Imagine que escrevia aqui que um organismo internacional, ligado à ONU, sugeriu aos governos deste mundo que baixem as pensões de reforma dado o risco de as pessoas viverem mais tempo do que aquele que está previsto, dando cabo da economia, recomendando mesmo que a idade de reforma se aproxime da esperança média de vida.

Claro que me chamariam tolinho, no mínimo, e seria mais uma vez acusado de esquerdista paranóico ou coisa que o valha.

Passa pela cabeça de alguém que em pleno séc. XXI alguém queira combater o prolongamento da vida das pessoas reduzindo-as à miséria e obrigando-as a trabalhar até caírem para o lado?

Claro que não. Só passou pela cabeça do FMI, que não é composto por pessoas, nem publica análises escritas por humanos. Sejamos rigorosos: o FMI é composto por filhosdaputa e vai parindo umas coisas escritas por animais irracionais. Não, não estou a delirar, está no El País.

E já agora acrescento: a economia começa a estar para a ciência como a medicina esteve para a mesma há uns 100 e tal anos, no tempo da eugenia que descambou no nazismo. Eles andam aí.

obrigado pela dica,Carla Romualdo.
Sobre João José Cardoso

Comments

  1. Outra vez a concordar consigo? Mau.

  2. Reformado says:

    Sempre pensei que o filme “A beira do fim” (“Soylent green”) era uma antecipação dum futuro longíquo. Afinal não!
    Quando é que começam a criar as casas onde vamos morrer com música, projecção de imagens calmas, etc…. Espera aí – já existe uma versão rudimentar – são os lares.
    Agora é só optimizar e institucionalizar – se tiveres mais do que a idade definida como esperança média de vida, és obrigatoriamente voluntário para um desses “LARES”.

  3. Fernando says:

    Um livro interessante de se ler para apreender um pouco sobre o FMI (e não só) é “A Doutrina do Choque” da autora Naomi Klein. É um livro longo, mas vale a pena.

  4. maria celeste ramos says:

    Por acaso gostava de saber a idade a que chegam em geral os franceses + alemães + nordicos + americanos – quando eu tinha 18 anos a esperança de vida era de pouco mais de 53 anos – hoje ter 83 é mais do que normal – e os países da UE em que idade se finam ??? o envelhecimento das populaçºões não tem a ver com a idade atingida mas com a % dos nascidos que não nascem – a mulher tem mais que fazer e tem menos filhos por várias razões – daí aceitarem-se + emigrantes como máquinas de parir porque os “menos evoluídos” têm menos filhos – a eugenia é praticada em certos paísses é claro e na India é muito mais “grave” e o ocidente andou a aliciar os países da américa do sul para usar píluna e nesse documentário que vio as andinas ficaram parvas e ofendidas e acabaram dizendo que os filhos era o melhor da vida delas e a sua alegria ++ etc
    não me apetece ouvir Santana mas vou puvir para ouvir o Rosas, ++ o do PS que fala como uma metralhadora e a Constança Cunha e Sá – 03:30H de 12 abril 2012

  5. MAGRIÇO says:

    Passos Coelho já comentou: “Têm do morrer mais cedo, custe o que custar”.

  6. Não sei porquê, mas aquelas vinte e duas mil e duzentas mortes do mês de Fevereiro, deixam-me preocupado…
    Alegadamente a mortandade continua e existe um padrão; febre, complicações pulmonares e morte.
    Não sou muito dado a teorias da conspiração, mas….

  7. os economistas têm a mania de fazer contas, e pelos vistos a matemática diz que se as pessoas vivem mais anos recebem mais de pensão, se recebem mais de pensão é preciso mais dinheiro, se não há dinheiro é preciso baixar as pensões, para que estas possam ser pagas. é por estas e por outras que a matemática é uma vendida ao fascismo.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s