A saga das goleadas continua. Meninas lusas ainda verdes

Armindo de Vasconcelos

Portugal atingiu, hoje, perante Chipre, um “score” histórico, 11-0, e mais uma vez alertou a concorrência para o seu grande desiderato: o título.

Chipre, pelos resultados anteriores, já dera mostras de grande fragilidade. Daí que, ao intervalo e sem surpresa, os jovens “linces” já venciam por três golos sem resposta. E, uma vez mais, o segundo tempo foi determinante para as cores nacionais, com nove golos sem resposta.

David Franco (3), Rodrigo Seara (3), João Penetra (2), Ricardo Teixeira, Mário Correia e Luís Tavares foram os intérpretes de um marcador exemplarmente desnivelado, mas justo.

No campeonato feminino, que hoje teve início, Portugal não resistiu e foi goleado pelo Azerbaijão (6-2). Concretizam-se, de certa forma, os condicionalismos adiantados pelo seleccionador José Martins, quando apontava a extrema juventude da equipa portuguesa como o grande óbice a uma grande participação das meninas lusas.

No outro jogo, as seleccionadas da Irlanda despacharam a Turquia por um concludente e inapelável 4-0.

Comments

  1. maria celeste ramos says:

    Lindas meninas portuguesas

  2. Armindo de Vasconcelos says:

    Tal como se esperava, a Turquia venceu (2-0) o Azerbaijão, e a Grécia impôs-se a Gibraltar pela margem mínima (1-0). A Turquia, tal como previmos, será o grande adversário dos portugueses na luta pelo título e defrontam-se amanhã, pelas 13 horas.
    AV

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.