Ao cuidado de Paulo Padrão, director de comunicação do Banco Espírito Santo

Apanha-se mais depressa um banqueiro Espírito Santo que um apenas mentiroso. Ontem soltou-se o João de Deus que há em mim. Abra-se de par em par a porta sagrada. A fantochada acabou-se. Se deus nos der vida e saúde, vais ter trabalho, muito trabalho:

Me liga, vai, também te quero conhecer pessoalmente…

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.