Vícios privados, públicas virtudes

A notícia da jovem angolana violada por três angolanos que retirou a queixa porque “havia que salvar a reputação das famílias” só pode admirar quem nunca tenha vivido numa ditadura, como Angola continua a viver.

Sim, isto é política, e social: o peso de uma classe que se ostenta a partir da acumulação corrupta de capital é terrível.

A reputação das famílias de filhosdaputa acima de tudo. E a não esquecer: os três filhosdaputa são bolseiros do governo angolano.

its-not-rape

Comments

  1. adelinoferreira says:

    João, totalmente de acordo com a tua opinião!
    Estranho foi ler aqui um aventador, a propósito do novo AO, fazer referências elogiosas ao governo de Angola.

  2. Cláudia says:

    Casos como este há-os por todo o Mundo. Não é preciso ser de Angola ou dos Emiratos… basta haver dinheiro e poder indissociáveis.
    Histórias destas cá, ha-as…. e muitas. Parece é que não “convém” mexer nesses assuntos.
    Aliás, nós por cá, somos violados todos os dias, e até nos queixamos. Tem adiantado?

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.