O abre-portas

O antigo patrão de Passos Coelho diz que ele abria “todas” as portas para os negócios.

Comments

  1. José Peralta says:

    Fernando Madeira, que foi ouvido no final do ano passado pelo Ministério Público – no âmbito de uma investigação de projectos de formação profissional pagos à Tecnoforma com fundos comunitários -, conta à Revista Sábado que Passos Coelho era uma peça-chave naquele processo.

    (…)Fernando Madeira não se recorda se pagava a Passos Coelho e, segundo a revista, durante a entrevista fez parar o gravador nesta questão durante 13 minutos. Na altura em que presidia à ONG, o actual primeiro-ministro era deputado em regime de exclusividade no Parlamento, lembra a Sábado.

    Segundo a Revista Sábado : “NÃO SE RECORDA SE PAGAVA AO COELHO” ?????

    “UM DEPUTADO EM REGIME DE EXCLUSIVIDADE” ?

    SANTA AMNÉSIA …

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.