«Angela Merkel que aceitou resgatar os bancos alemães com os empréstimos a Portugal e Grécia»

Conversa do ajudante do Sheriff de Nottingham:

Passos Coelho disse que as eleições europeias são numa oportunidade para que os “portugueses e as portuguesas possam condenar e recusar a mentalidade que ia destruindo Portugal e que ia pondo em causa o euro e a Europa” [*]

Conversa de um dos conselheiros do cherne, aquele que fez ouvidos de mercador para se aliar ao Sheriff de Nottingham e que agora sonha ser delegado-mor do Sheriff de Nottingham na província rectangular:

Quero dizer que os Governos puseram os interesses dos bancos à frente dos interesses dos cidadãos. Por várias razões. Em alguns casos, porque os Governos identificam os bancos como campeões nacionais bons para os países. Em outros casos tem a ver com ligações financeiras. Muitos políticos seniores ou trabalharam para bancos antes, ou esperam trabalhar para bancos depois. Há uma relação quase corrupta entre bancos e políticos. [Read more…]

Cavacos úteis

cavacos
Foto dedicada aos amigos que têm declarado a inutilidade do cavaco, em que se prova que nem sempre assim é.

Ao que giro!


Hoje é dia de cortejo da “queima das fitas” cá em Coimbra. A criatividade anda à solta. Há 60 anos desfilavam camionetas armadas com rede de galinheiro ornada com pindéricas flores de papel. Hoje – o progresso não pára – desfilarão camionetes armadas com rede de galinheiro ornada com pindéricas flores de papel. É consolador admirar tanta imaginação! O ano passado, por exemplo, houve uma recreação nova: engraçados estudantes urinavam nas caixas de correio a que podiam chegar com os respectivos instrumentos. Que engraçado! A minha vizinha que recebia nesse dia o cheque da sua pensão não parou de rir. Também outro vizinho que nesse dia recebeu um subscrito com fotografias dos seu filho e netos há muito tempo emigrados e que há muito tempo não via, achou um piadão. Até eu, a quem os amáveis foliões destruíram vários vasos de flores – duas das quais com mais de vinte anos de cuidados – não pude deixar de rir. O humor inteligente é sempre bem vindo. Não sei, por isso, porque um amigo meu neurocirurgião prescrevia, furioso, para estes simpáticos criativos, um transplante de cérebro. Feitios…