Geringuejolas


BE e CDS-PP unidos contra o fim da isenção de IMI para os partidos. PS, PCP e PSD do outro lado da barricada.

Comments

  1. Konigvs says:

    E contra o fim da isenção das igrejas como é que estamos? Estamos só a falar de 50 mil edifícios na igreja Católica.
    Se eu começar a organizar umas missas satânicas lá em casa ao fim-de-semana será que também deixo de pagar IMI?

  2. Ana A. says:

    Ou seja, quando nos mexem no bolso somos todos uns “pobres” prevaricadores em potência…

  3. Rui Naldinho says:

    Sou a favor do pagamento do IMI no património imobiliário, por todas as entidades de direito público e privadas, cujo espaço não tem fins assistenciais gratuitos, fins produtivos, ou da pratica de um culto.
    Mas tento ser racionalidade.
    A demagogia serve-se fria! Tal como aquele pudim que as nossas avós tinham no frigorífico quando lá íamos manjar!
    Neste caso, BE e CDS mostram como se fabrica um pudim para tótós.
    Todos sabemos que os partidos do centrão, PS e PSD são aqueles que têm maior património imobiliário. De certa forma não se estranha, dada a sua implementação eleitoral no território nacional. O anormal seria terem muitos votos, sem sedes nacional e concelhias.
    Todos sabemos como o PCP, o mais antigo partido português, apesar de estar longe dos tempos em que recebia cerca de 20% dos votos dos eleitores portugueses, sempre amealhou umas quantas coroas para criar raízes no território. Comprou habitações, imóveis de grande envergadura e até um antigo hotel, onde transformou aí a sua sede. O PCP funciona como uma instituição confessional na conquista dos seus crentes. Assim sendo, não se estranhe que todas as coroas que podem amealhar sejam canalizadas para locais de “catequização e culto”.
    O BE, um partido recente, e sem uma expressão eleitoral a nível de todo o território, nunca poderia ter grande património, a não ser que tivesse um amigo na Construtora do LENA. O BE é fundamentalmente um partido urbano, de classe média, com uma forte componente intelectual, que absorve mais os seus eleitores através das redes sociais e eventos culturais do que por catequização.
    O CDS é um partido do pós 25 de Abril, que inicialmente foi associado a elementos ligados ao anterior regime. No PREC, toda a gente de direita queria ser do PSD e do PS. Recusavam-se pura e simplesmente a pertencer oficialmente ao CDS, por não querem ficar associados à sua imagem de marca. Um exagero mas era assim. Contudo, o CDS teve sempre resultados eleitorais muito satisfatórios, muito acima daquilo que a sua “entourage” dava a entender. Foi no Norte que se sedimentou, em parte no minifúndio, nas pequenas e médias empresas, e a sul, nalguns latifúndios.
    Resumindo, o BE e o CDS, cujo património é muito reduzido comparando com o dos outros partidos, querem fazer ao PCP, ao PS e ao PSD, aquilo que a direita se recusa a fazer ao património imobiliário acima de determinado valor.
    Mas há coisa mais linda de se ver? Troskistas e Conservadores unidos na defesa da justiça fiscal!
    É óbvio que não. Não fosse a hipocrisia um pudim tão delicioso para tótós!

    • Ana A. says:

      “Todos sabemos que os partidos do centrão, PS e PSD são aqueles que têm maior património imobiliário.”, “Todos sabemos como o PCP,…Comprou habitações, imóveis de grande envergadura e até um antigo hotel…”

      E os tótós que não gostam de pudins, insurgem-se contra os políticos e os seus apoiantes, que defendem que “certas” leis e impostos só são apoiáveis, se não lhes mexerem nos bolsos. Ou seja, é a velha luta de classes, agora na versão: Partidos com muitos imóveis vs Partidos com poucos imóveis!

      Afinal, estamos de acordo -“…quando nos mexem no bolso somos todos uns “pobres” prevaricadores em potência…”

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s