PSD em queda livre


ppc

As sondagens, é sabido, valem o que valem. Mas quando sucessivas análises revelam uma tendência comum, neste caso o afundamento do PSD nas intenções de voto dos inquiridos, torna-se difícil de ignorar os sinais. As eleições de ontem nos Açores foram apenas mais um desses sinais, que parecem demonstrar que os portugueses se afastam cada vez mais da letargia reinante no nº9 da São Caetano à Lapa. 

E se os valores apresentados pelo mais recente estudo da Eurosondagem não são tão maus como aqueles que a Aximage deu a conhecer em Setembro, a verdade é que, para o barómetro habitualmente usado pelo Expresso e pela SIC, a sondagem deste mês é, desde as Legislativas, a melhor para o PS e a pior para o PSD, que cai 1,4% face à sondagem anterior. Até Assunção Cristas consegue crescer uma décima, num contexto em que todos os partidos à esquerda conseguiram um resultado superior ao registado no estudo anterior.

Passos Coelho é a face de um partido apagado e sem ideias, refém de um discurso catastrofista e falacioso, que procura explorar a falta de memória dos portugueses, sem sucesso. As notícias da morte política do líder do PSD podem ser manifestamente exageradas, mas as Autárquicas do próximo ano podem muito bem ser o ponto final de uma carreira de péssima memória. A sovietização em curso não poupa ninguém.

Foto: Daniel Rocha@Público

Comments

  1. Rui Naldinho says:
  2. Rui Stuart says:

    Há 42 anos que o Povo Português faz questão de ser consecutivamente enganado e roubado… por flibusteiros de água doce que a única coisa que sabem fazer é: “governarem-se”… Afinal no que se tornou a actual “ democracia” em Portugal?: O que os políticos pensam: “O Povinho não passa de um bando de carneiros mansos acéfalos que com umas bandeirinhas, apitos, T-shirts, comes e bebes, saquinhos com compras e concertos do Toni Carreira, vão logo votar sem sequer lerem o nosso programa eleitoral” … e agora o que os políticos nos dizem: “…Têm aqui várias piscinas e devem escolher uma…”, “ ..é a vossa obrigação…”, “…não deixem que escolham a piscina por vocês…”. A realidade: A primeira piscina está cheia de trampa de vaca e a segunda cheia de trampa de porco e a terceira cheia de trampa de… e o Povo anda convicto, há 42 anos, a discutir fervorosamente qual é a melhor piscina para mergulhar… Porque razão o Povo prefere mergulhar de cabeça numa das piscinas e passados 4 ou 8 anos mergulham noutra e assim sucessivamente até voltar à primeira piscina em vez de não se atirar para nenhuma e ver se alguma coisa efectivamente muda para melhor? A cheirar pior não vamos ficar com toda a certeza… Quanto tempo mais vai ser preciso para todos nós percebemos que o actual sistema pseudo democrático representativo, em vez de participativo, não funciona? Que é um cesto podre cheio de maçãs podres que rapidamente contaminam as jovens… Somos masoquistas? Então não nos podemos queixar… Eles NATURALMENTE aproveitam-se da nossa imensa apatia e estupidez. Nunca esquecer o facto que se lá continuam a usurpar-nos é porque alguém lá os pôs e repôs e tornou a pôr e a repor. Assim sendo, por razões óbvias, tenho algum carinho pelo PURP de resto teria MUITO GOSTO num dia poder ver os actuais deputados do PS, POUS, MAS, L/TDA, PSD, CDS, PCP, PCTP/MRPP, JPP, PDR, PTP, PEV, B.E., PPM, PAN, MPT, NC, etc… no desemprego, porque já se verificou em Italia e recentemente em Espanha que estes países sem governo formado orientam-se muitíssimo melhor.

Trackbacks

  1. […] Assistir a mais este número de contorcionismo de Passos Coelho, que tem a distinta lata de colocar as palavras “embuste” e “sobretaxa” na mesma frase, depois do enorme barrete que tentou enfiar ao país para caçar mais alguns votos, já não surpreende ninguém. O passismo já não tem ponta por onde se lhe pegue, demitiu-se do seu papel de oposição, birrento, vive de sucessivos anúncios apocalipticos e ainda tenta convecer os portugueses que leva o pais a sério. Não admira que se afunde em todas as sondagens. […]

  2. […] o caro leitor que se encontra perante uma sondagem que padece de absoluta falta de isenção, como aquelas que nos chegam através do semanário do camarada Balsemão, pode agora iniciar o processo de análise deste grande embuste. A Geringonça, assumidamente ao […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s