«Meu querido 2011»

Vamos contrariar os que disseram que 2011 foi um ano para esquecer ou que tudo foi mau para milhões de portugueses. Há  motivos para celebrar «em português» o ano que deixámos para trás: poupámos mais; somos mais solidários (e atentos) ; as exportações aumentaram; as emissões de CO2 diminuiram; ficámos a conhecer melhor o nosso país (férias cá dentro); a esperança de vida aumentou; o Fado é Património Cultural Imaterial da Humanidade; a Nazaré ficou no circuito mundial de ondas gigantes (1/Novembro, uma onda de cerca de 27,5 m !); as novelas portuguesas ganharam mais um Emmy; as escolas portuguesas de gestão entraram na lista das 40 melhores da Europa; o  número de famílias está a aumentar bem como a importância que lhes damos; etc. Por isto, parece-me lógico que 2012 terá também motivos para ser celebrado, não obstante as mais duras previsões…
Faça-se acompanhar 2012 com Esperança! (também pode ser lido no DN online, 3-12-2012 com o título «O ano de 2011 não foi assim tão mau» http://www.dn.pt/inicio/opiniao/opiniaodoleitor.aspx?content_id=2217647)

Comments


  1. Ou seja, estamos completamente inebriados pela agenda mediática!…


  2. (inspeccionando este resto de Cartuxa de 2008 que ficou no decanter)

    Cara Céu Mota, este seu escrito parecia o anúncio da Coca-Cola. Pode ser letal, para um homem como eu.

    (está óptimo, dispensaria o final de madeira)

  3. maria celeste d'oliveira ramos says:

    E espero que volte o humor, único, do português, e não a idiotia que grassa nas gerações recentes (talvez nascidos ou “crescidos” nos célebres anos 80), e que para comunicar como têm feito, em geral, as idiotias no aventar, que o façam em casa on nas boites, pois que parece que são a geração do “ruído”, geração de opiniões em ideias – Comunicar é preciso, como “circular” é preciso, mas continua Portugal a ser o campeção dos acidentes de automóvel exactacmente provocados pelos que têm entre 18 a 42 anos, que deveriam ser a força intelectual e não só, da nação, mas não passam de matadores com carros que só têm acelerador e esquecem o travão que deveria haver, também, na lingua sem ser necessário ser moralista – basta ser inteligente – mas a inteligência se calhar emigrou e ficou o que ficou – para “novelas” basta a TV e os mass media em geral

  4. kalidas says:

    E o Benfica vai ser Campeão Europeu!

  5. jorge fliscorno says:

    Olá Céu, boas aventadelas e um bom 2012.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.