Este país é para sardinhas

Mas não é para velhos: Pedro CDS Soares vai meter mais uma cama em cada quarto e assim os lares de terceira idade chegam para todos.

Herberto Helder já nos tinha contado do homem que queria resolver o problema da falta de espaço nos cemitérios enterrando os falecidos na vertical. Mas essa era mesmo ficção.

Comments

  1. Jo d'Andrade-Santos W. says:

    VELHOS SÃO OS “PROTEGIDOS” DO PEDRO CDS SOARES!!! :((( (FDP)


  2. Enterrado na vertical só conheço um caso em Londres numa catedral que como era muito caro comprar área lá dentro um inglês só junto para um pequeno quadrado e ficou de pés.
    Agora o Mota Soares pode resolver o assunto com beliches.
    Clotilde


  3. crítica fácil….tendo em conta a situação social e económica do país será que de facto não faz sentido permitir duas pessoas por quarto? obviamente que seria preferível manter quartos individuais e investir o dobro em casas de repouso, mas será que não existem outras prioridades mais importantes como por exemplo assegurar o fornecimento de medicamentos aos hospitais?

    Sinceramente, penso que é um pouco demagógico estar a exigir quartos individuais em todas as casas de repouso…


  4. Tendo em conta as causas e responsabilidades da situação social e económica que atravessamos não será demagógico pedir a quem nela não tem responsabilidades que divida quartos e um dia destes camas, em vez de exigir aos banqueiros que partilhem os sacrifícios que aos outros são destinados?
    É que a crise foi provocada pela especulação financeira, dívida privada alucinadamente incentivada pelo sistema bancário, nacionalização do BPN sem nacionalização da SLN, e não me consta que por exemplo Dias Loureiro viva num lar de idosos. Nem Oliveira Costa, que até tem idade para isso e se divorciou para não correr tal risco.
    Ou à moralidade, ou comem todos.

  5. Vitor Manuel Bento says:

    Sinceramente não dá para entender este governo que cada vez que abre a boca entra mosca ou sai asneira. Tudo o que até aqui eram normas severamente defendidas e aperfeiçoadas ao longo dos anos passam agora a ser abandonadas em prol da redução de custos, não interessando as condições de vida do ser humano. Será que os nossos governantes se dão conta de que foram eleitos para dirigir os interesses da população que os elegeram ou os interesses do vil metal?

  6. Rosário Puga says:

    Não será uma solução recuperar os edifícios do Estado que estão em degradação – antigos quarteis e outros mais pequenos – para fazer lares? Ou as pessoas que construíram este país até agora, para alguns não merecedores como esse Mota Soares, não têm direito a algum bem estar na velhice?

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.