A família e os impostos que a desfaz

pais-bebe-grande.jpg

É um substantivo quase impossível de definir. Talvez se possa dizer que é um conceito que tem várias definições, todas elas certas por corresponderem a diferentes maneiras de se vincularem as pessoas. Pela negativa, é mais simples falar de família às pessoas que não têm parentesco entre si, é  dizer relações consanguíneas ou por afinidade. Se a relação é entre parentes consanguíneos  a definição é mais simples: automaticamente pensamos no pequeno grupo de pai, mãe e descendentes (filhos). Nos tempos da minha juventude, era um grupo que incluía irmãos dos pais, os seus filhos, meus primos, pela primazia da relação entre essas pessoas, todas as filhas ou filhos de irmãos dos pais. Se ainda eram vivos, os pais dos pais ou avós  eram não apenas família, bem como eram parte do grupo familiar extenso. Viviam todos na mesma casa, debaixo do mesmo tecto.

Há as teorias da família, especialmente no direito romano, no direito canónico ou no direito positivo do código civil. Os três tipos de lei imperavam e mandavam a proximidade das pessoas parentes entre si. O primeiro grupo que tenho mencionado, nasce da economia do capital que pode ter a família alargada que moram juntos num paço, ou num bairro vedado ao público, condomínio de todos os familiares com várias casas divididas entre os grupos domésticos familiares, todos com porta aberta e com circulação dos familiares entre os diversos lares. O meu melhor exemplo, retirado não da teoria que legisla e orienta as relações dos parentes, aprendi-o em trabalho de campo ou método etnográfico. Método que narra e é interpretado pela etnologia ou ciência do entendimento da comparação etnográfica.

A imagem que seleccionei para ilustrar este texto descreve o que normalmente se pensa de uma família: grupo pequeno, novo e com bebés. Tal como Norma refere a Druida, que vê os seus filhos assassinados, a destruição do hábito de viverem juntos e da casa queimada pelos invasores que lhe destroem a família. A ideia está baseada numa lenda francesa defensora da família. O segundo exemplo que pensei referir, é o de meu amigo Hermínio Medela de Vilatuxe, descendente dos duques de Alba e primo dos Condes de Lemos na Galiza, factos que ele próprio desconhecia e que acabei por desvendar durante a minha pesquisa de etnopsicologia da infância, com três visitas prolongadas de dois anos, um ano e um mês. A lei gálica dá a herança ao primeiro filho(a) nascido(a), que coube à sua irmã Marcelina, a Patrucia da família, os descendentes sem herança, tinham de abandonar a casa. Quando adulto, Hermínio era pastor de cabras por isso emigrou. Com as poupanças e a colaboração da sua mulher Esperanza, que se empregava como doméstica em casas ricas, enquanto as crianças eram cuidadas pelos avôs maternos e paternos, regressou a Vilatuxe, onde construiu uma casa para a família. Mas a família cresce, à casa são acrescidos novos quartos até que o meu compadre abuelo, pondo de lado a lei, decidiu dividir a sua quinta, adquirida com dinheiro da emigração e da sua pastorícia de cabras, a sua profissão, para a repartir de igual forma entre os seus descendentes. Filho(a) que casa, recebe então parte das terras e entre essa inúmera família construem-se novas casas para os casados ai viverem e ganharem a vida no que melhor puderam. Ao todo, cinco casas são levantadas, contando a casa paterna, entregue ao mais novo Medela, o meu amigo Miguel e à sua mulher Catarina. História narrada e analisada nos meus livros sobre Vilatuxe, especialmente no editado pela Profedições: O Crescimento das crianças, Porto, 1998.

Era uma família de condomínio, muito chegados uns aos outros e com uma profunda solidariedade e respeito aos pais, Hermínio e Esperanza, como analiso no meu livro de 2010: Esperanza, uma história de vida, publicada como e-book

Teoricamente, família é definida como o conjunto de todos os parentes de uma pessoa, e, principalmente, dos que moram com ela. Conjunto formado pelos pais e pelos filhos, ou conjunto formado por duas pessoas ligadas pelo casamento e pelos seus eventuais descendentes, bem como é um conjunto de pessoas que têm um ancestral comum, ou que vivem na mesma casa.

Família, enfim, são pessoas unidas por consanguinidade ou por laços de afinidade, resultantes de matrimónio de pessoas de fora da família conjugal, que casam entre si e geram uma descendência que passa a ser consanguínea da pessoa e dos seus parentes, que incorporou por matrimónio mais um membro dentro da família. Passam a ser de parentesco duplo: consanguíneos e afins. Ou que não casam e aparece uma terceira forma de família: os amancebados que não casam, situação legislada pelo Código Civil, tão válida como as outras maneiras de reprodução social

Família que hoje em dia sofre por ser-lhe quase impossível pagar a sua alimentação, comprar a sua roupa, pagar os estudos dos filhos, pais sem trabalho e, ainda, a pagar impostos que ultrapassam o sentido da vida. A família, desfeita por um governo que sabe todo, mas de legislar para o povo, não entende. Uma família, desfeita pela carga de impostos das dívidas contraídas pela ideologia que nos pretende governar, os neoliberais, fascistas, que nos matam com despedimentos do emprego, em que cada dia dez mil trabalhadores são enviados para a rua por indústrias incapazes de produzir pelos direitos que devem pagar. Indústrias obrigadas a declarar-se em falência para se furtar do tribunal e de ser levados à cadeia. Fica a família na prisão das dívidas, do crédito que paga juros muito altos, que permite os neoliberais enriquecer enquanto o proletariado cresce rapidamente pela ruína da denominada  classe média ou pequena burguesia, como a define Marx. Famílias que, na sua raiva e impotência para sobreviver, vão derrubar o governo, passando a ser obrigatório para o Presidente da República dissolver a Assembleia e organizar um governo de salvação nacional, como manda a Constituição da República Portuguesa.

Comments


  1. Pois é – agora é a família sportinguista ou a família política e já não é mau

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.