Próximo governo será a 3: BE, PS de Alegre e PCP

Caro (e)leitor, eu voto no Bloco de Esquerda e, apesar de independente, tenho colaborado com o BE sempre que tem sido possível / solicitado / necessário.
Esquerda a 3

Colocadas as cartas em cima da mesa apetece-me perguntar porque é que o PS e o PSD se lembraram, AGORA, de começar a falar no Bloco Central?

As sondagens mais recentes dão ao BE um score acima dos 10% e a começar a chegar muito perto dos 15%. Nas mesmas sondagens, o PC surge também sempre na casa dos 10%.
Elas valem o que valem, mas todos sabemos que entre elas e os resultados, as diferenças são cada vez menores.

Dito isto, fica claro que o PS nunca terá maioria absoluta. Seguindo este simples (simplista!) raciocínio, o Sr. Presidente vem trazer a terreno a necessidade de encontrar novas formas de gerir as relações inter-partidárias e depois vem a Drª MFL dizer que diz, mas não diz.

Ou seja, a relação entre as forças partidárias no nosso Parlamento vai mudar e pode virar, na opinião de alguns, muito à esquerda. O receio “desses” é que o PS seja forçado a ouvir o socialismo, que, pelo menos ainda lhe segura o nome.
Aceitando eu com grande dificuldade que BE ou PC possam segurar o Sócrates só consigo entender uma nova formação inter-partidária em que Manuel Alegre surge como o rosto que vai juntar deputados numa força de esquerda para suportar o governo – com Manuel Alegre estariam deputados socialistas do PS mortinhos por fugir à direita que hoje os massacra.
Esta é a minha aposta: BE e PCP em coligação pós-eleições, num PS sem Sócrates e com Manuel Alegre.

Comments


  1. Caro João Paulo, é um cenário, mas altamente improvável.

  2. Luis Moreira says:

    caro João paulo, é um desejo partilhado por muitos de nós, mas só isso.Um desejo!

  3. Luis Moreira says:

    Analisando os componentes temos.O PCP não aceita porque ou se faz como eles dizem ou então “trata-se de um abraço de urso” e não estão para aí virados.O “abraço de urso” é mortal como se viu pelo desaparecimento dos outros partidos comunistas que se vergaram à ambição de irem para o poder. O Manuel Alegre não avança com partido novo nenhum e guarda-se para as Presidenciais.O BE é que poderá ter um papel importante juntando-se ao PS sócratico.Há muita política desastrosa que merece este passo do Bloco.Vamos ver!

  4. João Paulo says:

    Bom,eu faço isto mais como raciocínio do que vai acontecer e não tanto como desejo de que aconteça.Vamos a factos:. PS não ganha com maioria absoluta;. PC e BE vão ter, juntos na casa dos 25 pontos;. O PSD vai ter 30 pontos.. O CDS menos de 10.Assim, se o PS ficar a 1o pontos da maioria, o CDS não serve para nada.Tem que se virar para a esquerda, é assim ou não?

  5. M. Abrantes says:

    Fosga-se! Já não bastam a crise e a peste suína?

  6. Luis Moreira says:

    Calma, M. Abrantes, iksto é mais um desejo que uma possibilidade!


  7. […] Assim, projectando um resultado semelhante para as legislativas, o cenário aventado há dias é assim tão estúpido? […]

  8. dalby says:

    O JP sonha, O Aventar sonha, O JSó(crates!) sonha, A Nelita sonha, O PS sonha, todos sonham… e eu tenho pesadelosAdalberto

  9. dalby says:

    3(três) foi as contas que Deus fez! Já diz o provérbio!..quand même et par contre…O Diabo inventou outra..a 3, à TROIS! Isso já são outras contas e não é para todos os estômagos!!..Como na política, um é suficiente, dois é muito, 3 é demais!! Mas no caso do PS, um nunca é suficiente!Dois é bom e se misturarmos mais um, só é melhor! NUNCA DEIXAR O PS SÓZINHO! Bate muito a só, e isso é pecado, já dizia no catecismo!

  10. dalby says:

    E só mais uma palavrinha meiga..NUNCA SE ESQUEÇAM DE QUE ANTES DE TERMOS TESÃO NA LÍNGUA PARA DIZER AS VERDADES AOS SRS DO HEMICICLO-TRICICLÔ, HÁ QUE TER TESÃO CÁ EM BAIXO TAMBÉM NO R-CHÃO, SENÃO A COISA FICA FEIA, HÁ QUE DISTRIBUIR OS TESÕES SENÃO DÁ BORRA! AGORA RETIRO-ME COM PAZ E AMIZADE PEACE AND LOVE , PARA AS MINHAS LEITURAS BÍBLICAS!

Deixar uma resposta