O Hommer celebra por mim

Não sou muito dado a sentimentalismos. Raramente verto lágrimas, seja de alegria ou felicidade ou tristeza, não sou grande apreciador de festejar aniversários, muito menos o meu. Enfim, um chato monocórdico, com uma leve tendência para o irónico e uma queda para algum sarcasmo.

Quando o Ricardo enviou o desafio, mais ou menos este: “Vamos lá escrever um post no dia do aniversário a falar do relacionamento de cada um com o Aventar”, não pude deixar de torcer o nariz. Eu? Um indivíduo tão reservado e discreto a falar de relacionamentos? E logo com o Aventar? Nem pensar, o gajo é doido.

Portanto, nada melhor que utilizar um convidado para celebrar o aniversário deste blogue, que já me retirou uma longas horas de merecidíssimo descanso.

Para o ano cá estaremos para soprar a segunda vela.

Comments

  1. maria monteiro says:

    Oh José Freitas, nem mesmo daquelas lágrimas quando a gente diz “é de comer e chorar por mais”?
    mas… está bem representado na fotografia eheheheh


  2. Quando é de “comer e chorar por mais”, trato de comer e evito a choradeira.

  3. maria monteiro says:

    ehehehe

  4. Ricardo Santos Pinto says:

    Eu que já te vi de cuecas, confirmo que tu e o Homer têm algo em comum. A nível de corpo, claro, porque se vamos falar de rosto, és um verdadeiro Ricky Martin (ops!).
    Obrigado por tudo e pelas longas horas de trabalho para o Aventar.

  5. Luis Moreira says:

    Zé Freitas, obrigado. Um grade abraço, mas não te quero ver em cuecas…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.