As Scuts do Almerindo.

O Ricardo lançou aqui um novo desafio para escrevermos sobre as Scuts do nosso descontentamento. Eu, já  disse  aqui no Aventar que estou de acordo que se pague, a não ser que não haja alternativa. Na verdade, casos há, em que a eutoestrada foi construída sobre a anterior estrada, não havendo, pois, qualquer alternativa. Nestes casos os residentes não devem pagar, seria como uma “multa” por viverem naquele lugar.

O príncipio utilisador/pagador é um bom príncipio que, aliás, vai estender-se à educação e à saúde. O melhor, mesmo, é os cidadãos começarem a perceber de vez que este Estado onde nada se paga, é o tal que já mama 50% da riqueza criada no país. Estamos a viver alegremente acima das nossas possibilidades e, os políticos, a gozarem com o pagode, lançando estradas atrás de autoestradas, como se fosse possível. Já somos o país com mais autoestradas por km2. Talvez as pessoas  percebam que a autoestrada que passa lá ao pé da porta não é necessária, uma boa estrada seria mais que suficiente, só serviu para alimentar os bancos, as construtoras, os consultores e  arranjar  tachos muito bem pagos.

Porque é que Sócrates quer construir o TGV, o aeroporto e a terceira ponte, tudo desnecessário, com o país na miséria, sem que nos emprestem dinheiro, o homem insiste, sabendo à partida que o “Zé povinho” paga tudo, todas aquelas obras são, como a maioria das autoestradas, insustentáveis financeiramente, vão ter que ser pagas por todos nós.

Não gastam um tostão na ferrovia, para exportar e importar mercadorias, vão secando tudo o que possa contribuir para melhorar a economia, o que interessa mesmo é alimentar o “monstro”!

A pagar, com o dinheirinho a sair do bolso, talvez as pessoas comecem a fazer contas e a darem por ela, pela verdade,  que não há autoestradas grátis e que a UE ajuda, mas devia ser para investir em bens e serviços transaccionáveis. A continuar como até aqui é a miséria para a maioria do povo e os lucros para o monstro.! E a construção de autoestradas e de pontes nunca irá acabar!

Entretanto, o Almerindo, já fez saber que são precisos 95 milhões, só para a tesouraria, e que não encontra quem lhe empreste dinheiro.E, como se sabe, as empresas vão à falência pela tesouraria, isto é, a falta dela, a não ser que o governo entre com o que não tem. Dinheiro!

Bonito serviço, grandes gestores, grandes políticos, belas autoestradas!

Comments

  1. António Soares says:

    E o povo pá??(H.Luta)Tem estradas,e não tem carro…nem velho!!!

  2. joão Nunes says:

    Eu também não me importo de pagar se tirarem os 7 virgula tal cêntimos que meteram no preço da gasolina para não se pagar scuts, retirarem o imposto de circulação que já pago para andar na estrada e tirarem mais não sei quantas coisas que já pagamos em duplicado, em triplicado e nunca mais acaba…e devolverem o dinheiro que veio da UE para se fazer estradas sem portagem.
    Mas não devolvam tudo à montegil nem à ladroagem costumeira.
    O negócio já estava tão adiantadinho que está tudo cheio de placas com os preços e tudo. É só destapar e começar a pagar.

  3. LuisMoreira says:

    Pois é,a ver se opessoal abre os olhos…

  4. António Soares says:

    Este sr Almerindo,não era alguém que esteve na rtp?Se é…só mudou de canal,a estação é a mesma.


  5. Estou aqui a pensar porque terá sido apagado o meu comentário de ontem, e que rezava mais ou menos assim:

    Eu até nem sou dos mais radicais! Penso que há SCUTs que poderão deixar de o ser, mas outras há que merecem que sejam revistos os critérios de avaliação, nomeadamente a existência ou não de alternativas:

    http://insustentavelbelezadosseres.blogspot.com/2010/07/era-uma-vez-uma-estrada-linda-de-morrer.html

    Será que este também irá ser apagado(!)…

    • Luís Moreira says:

      Milan, ainda hoje de manhã li o seu comentário, não há razão nenhuma para ter sido apagado.Afinal é maioritário, quase todos pensam assim.


  6. Peço desculpa… nada foi apagado. O comentário que refiro foi colocado aqui (e lá continua):

    http://www.aventar.eu/2010/07/13/scuts-desta-vez-nao/

    …Isto das SCUTs já me está a dar volta ao miolo!

    Mas podem, E DEVEM, continuar a clicar e a ler aquele link, que não se arrependem…


  7. Luis Moreira

    Já reparou que o sr. Mendonça, até agora e duma forma geral, só deu a cara insistentemente em duas ocasiões:

    1 – aquando do TGV Caia-Poceirão; só desapareceu depois da assinatura do contrato!

    2 – agora, para anunciar a construção da 3ª ponte sobre o tejo; para trazer o TGV até Lisboa!

    Durante toda a trapalhada da PT/Telefónica ninguém o viu ou ouviu; até parece que aquilo nada tinha a ver com o seu ministério!
    Agora, depois de resolvido o caso da 3ª ponte, APOSTO que volta a meter-se na casota, desaparecendo dos écrans.

    Raios me partam… eu não quero ter maus pensamentos, mas lá que dá que pensar, dá!!!

  8. graça dias says:

    claro o país esta a salto, todos pagamos primeiro e reclamar só depois.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.