Síndrome da Ética Retardadamente Selectiva

ana gomesAna Gomes é uma mulher corajosa. Estou sensibilizado. Onde é que ela terá andado recentemente?

Depois de ler as suas declarações, mais uma vez me ocorre que a oposição é onde todos os políticos deveriam estar pois  parece que lhes apura o sentimento de ética. É um fenómeno a que poderíamos chamar de Síndrome da Ética Retardadamente Selectiva e que se caracteriza por uma súbita perda de cegueira para os defeitos daqueles que deixaram de ser oposição. Atinge de forma particularmente violenta os que saíram do poder e tem por efeito secundário amnésia aguda quanto a poucas vergonhas dos seus correligionários. Os pacientes costumam encontrar alívio dos sintomas descansando em cadeiras tipo Parlamentarium Europerium.

Comments


  1. Comparou Paulo Portas a D.S.K., curiosamente não a ouvi dizer uma palavra, quando há pouco mais de um mês, Mário Soares afirmou que não deveríamos diabolizar o FMI, que até era dirigido por um socialista. A azia de Ana Gomes é retardada, não vem de agora, mas do tempo em que Ferro Rodrigues era líder do PS. Ana Gomes está em Bruxelas na mesma gamela de Elisa Ferreira, porque perdeu as autárquicas em Sintra, felizmente ela jamais terá problemas em tomar posse, porque dificilmente ganhará uma eleição, até para o condomínio lá do prédio, consegue ser eleita quando entra numa lista, normalmente a preencher uma quota… É uma tonta!

    • jorge fliscorno says:

      Estará a cumprir a sua própria promessa?

      “Se não ganhar não quero desligar-me do futuro do meu concelho”

      Quanto à gamela, essa neorealista expressão de Elisa Fereira, lá estão as duas.


  2. A intensidade dos sintomas é directamente proporcional à dificuldade de obter tachos. Assim o que os médicos recomendam é o despedimento sumário e eliminação de regalias não merecidas (reformas douradas, acumulação de salários e reformas, “empregos” em fornecedores do estado, etc).

    • jorge fliscorno says:

      E como medida preventiva e a pensar na saúde dos pacientes, o melhor será encerrar os lugares que dão tais tachos.


  3. Falta-te ler a Causa Nossa, Jorge. Embora o faça mais para me rir com o impagável Vital, pouca coisa houve no socretismo que Ana Gomes não tenha criticado. Foi a única militante do PS a fazê-lo (mais o Henrique Neto, mas esse milita pouco) e o PE foi mais uma ordem de despejo que outra coisa qualquer.
    Googla o Causa Nossa e as tuas 13 razões, e se calhar encontras lá referidas a maioria. Ou experimenta Corporações + Ana Gomes, e vais ver o que dá…

    • jorge fliscorno says:

      Não sou leitor assíduo dessa canto, realmente. Ouço-a semanalmente na Antena 1 e não me lembrava deste assunto ter sido abordado. Numas pesquisas rápidas no Causa Nossa não encontrei textos quanto a esse artigo da visão mas também não procurei muito.


  4. ANA GOMES A RESSABIADA NUM PAÍS CADA VEZ MAIS IRRELEVANTE

    Ana Gomes soa a ressabiada, mas não deixa de ter coragem.

    O problema é que há elementos pertencentes aos partidos do arco da governação (PS, PSD e CDS) corruptos e pedófilos. A sorte deles é que a maior parte dos portugueses e das portuguesas são submissos, tontinhos e uma cambada de inúteis.

    Pior ainda é a parte que resta: há uns que têm a mania que são qualquer coisa de especial, outros há (minoria)que gosta de pensar que é inteligente, informada e “boa onda”, mas não passam de cópias mal tiradas de gente lá de fora. Mas, depois do que se passou com o êxito dos Lusíadas (em que Camões fez uma versão etilizada de Odisseia de Homero), tudo se espera neste canto europeu. Se desaparecesse, poucos no mundo sentiriam a sua falta…


  5. Que triste figura fazem os políticos!
    Apesar das pedras atingirem acertadamente os alvos, esquecem-se que todos eles têm telhados de vidro!
    E depois acham estranha a percentagem de abstencionistas, (mesmo contando com a limpeza das listas)?!
    Apesar de tudo ainda me surpreende mais, a forma como os seus “admiradores/seguidores” tentam desculpá-los, chamando a atenção para os defeitos da concorrência…
    Lastimável


  6. Não sei se a Ana Gomes sofre do tal sindrome.
    Receio é que ela possa ter razão no que diz!


  7. Pedro Guerra. A alucinada Dra. Ana Gomes pronunciou um nome:
    http://supraciliar.blogspot.com/2011/06/pedro-guerra.html

  8. Daniela Major says:

    A coragem não é selectiva…se Ana Gomes fosse coerente teria dito algo semelhante relativamente a José Sócrates. As próprias declarações sobre a Casa Pia caem mal e são pouco próprias. Será que ela teria preferido que tudo passasse em branco?

    Muito bom texto. Temos que lhe passar uma receita.

  9. a.marques says:

    Que Deus lhe perdoe e a mim também. Mas Portas andava a precisar de um grande abanão.

  10. Jorge says:

    Estou contigo — ó A. Marques…
    Estão a tratar a senhora “de puta da” abaixo de cadela…
    Não está certo…é uma ofensa aos canideos!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.