Cromo do Dia: Ministério da Saúde e Hospitais

O cromo de hoje é triste e não adianta estar com trocadilhos humorísticos ou apontamentos caricatos. Seja porque houve desinvestimento nos transplantes (Paulo Macedo, ministro da saúde), seja porque os hospitais se consideram insuficientemente pagos, a lista de pacientes à espera de transplante de orgãos não pára de aumentar e estes não cessam de diminuir, com um número indeterminado de mortos por conta desta situação.transplantes.

Já não se trata de empobrecer o país em nome da “economia futura”, de emagrecer o nível de vida da população, ou de cortar no Natal e nas férias. Aqui a diferença é entre a vida e a morte. E isso povo nenhum devia tolerar.

Comments


  1. PAULO MACEDO, MINISTRO-SINISTRO DA MORTE! :(((

  2. Jorge Anyous says:

    Este homem vai a julgamento mais cedo ou mais tarde por homicídio involuntário.
    Cada um fala por si mas se eu tivesse um familiar com doença oncológica ou em lista de espera para um transplante e visse um comportamento negligente ou irresponsável de um ministro da saúde com influência directa numa possível morte garanto que não descansava até o ver condenado.
    Isto já não é um estado é uma selva e no fundo no fundo até serve os interesses desta classe dirigente.Quanto mais cedo morrerem menos despesa fazem.Isto também devem ser as famosas gorduras do estado.E para aqueles que não acreditam vão ler o que é um homicídio involuntário e façam o vosso juízo.

Trackbacks


  1. […] o dito por desdito? E onde andaria o meu tremelicante pensamento ao supor que Paulo Macedo, actual ministro da saúde, poderia ser mais cromo do que o outro inefável Paulo, o Campos – aquele que já me fez […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.